Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 10 > Bens de traficantes serão leiloados em MG

Saúde

Bens de traficantes serão leiloados em MG

por Portal Brasil publicado: 01/10/2012 19h05 última modificação: 29/07/2014 09h02
Serão alienados 98 lotes de veículos – automóveis, motos, caminhões e sucatas diversas – apreendidos em Belo Horizonte (MG)

Serão alienados 98 lotes de veículos – automóveis, motos, caminhões e sucatas diversas – apreendidos em Belo Horizonte (MG)

Os valores arrecadados com o leilão de bens apreendidos de traficantes de drogas serão aplicados no Fundo Nacional Antidrogas (Funad), que realiza ações de repressão ao tráfico, prevenção e tratamento de dependentes de drogas. O leilão acontece no dia 17 deste mês

Mais um leilão de bens apreendidos de traficantes de drogas será promovido pela Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas do Ministério da Justiça (Senad/MJ) por meio do Fundo Nacional Antidrogas (Funad).

Desta vez, serão alienados 98 lotes de veículos – automóveis, motos, caminhões e sucatas diversas – apreendidos em Belo Horizonte (MG). O evento será realizado na capital mineira no dia 17 de outubro, com perspectiva inicial de arrecadação de R$ 200 mil. Para participar, o interessado deve acessar o site Senad e conhecer o edital.

Este será o 75º leilão, o 4º em 2012, de bens apreendidos de traficantes de drogas organizado pelo Funad e realizado sob a coordenação da Senad/MJ. Os recursos arrecadados, conforme determina a legislação em vigor e a Constituição Federal, serão destinados à prevenção e à redução do tráfico de drogas.

O mais recente leilão promovido pela Senad foi realizado em Porto Alegre (RS) no dia 12 de setembro e arrecadou 843 mil reais. A quantia foi distribuída 80% para o próprio estado aplicar em políticas de enfrentamento ao consumo e ao tráfico de drogas e o restante permaneceu no Funad e foi destinado ára ações de capacitação, orientação e prevenção ao uso de drogas.

Funad

O Fundo Nacional Antidrogas (Funad) é constituído com recursos de bens apreendidos de pessoas condenadas por tráfico ou envolvidas em atividades ilícitas de produção ou venda de drogas. A apreensão dos itens só é realizada após decisão judicial ou administrativa tomada em caráter definitivo, além de outras dotações do orçamento da União.

Os recursos do Funad são destinados ao desenvolvimento, à implementação e à execução de ações, programas e atividades de repressão, de prevenção, tratamento, recuperação e reinserção social de dependentes de drogas.

Leia mais:

Rio Grande do Sul arrecada R$ 843 mil em leilão de bens apreendidos de traficantes

Bens apreendidos de traficantes de drogas serão leiloados no RS

Fonte:
Ministério da Justiça




Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Mutirão já realizou mais de 33 mil cirurgias no país
O Ministério da Saúde está trabalhando para diminuir a espera por cirurgias eletivas, aquelas que não são emergências
Fábrica de medicamentos biológicos é inaugurada no DF
Medicamentos biológicos são produtos inovadores para o tratamento de doenças crônicas, como câncer, diabetes, artrite reumatoide e esclerose múltipla
Governo libera R$ 220 milhões para hospitais universitários de todo o País
Recursos serão distribuídos entre 48 hospitais das cinco regiões
O Ministério da Saúde está trabalhando para diminuir a espera por cirurgias eletivas, aquelas que não são emergências
Mutirão já realizou mais de 33 mil cirurgias no país
Medicamentos biológicos são produtos inovadores para o tratamento de doenças crônicas, como câncer, diabetes, artrite reumatoide e esclerose múltipla
Fábrica de medicamentos biológicos é inaugurada no DF
Recursos serão distribuídos entre 48 hospitais das cinco regiões
Governo libera R$ 220 milhões para hospitais universitários de todo o País

Últimas imagens

Soro
Divulgação/Prefeitura de Campo Verde (MT)
País vai tratar 657 mil pessoas a partir de 2018. Pacientes com quadros mais grave da doença terão prioridade
País vai tratar 657 mil pessoas a partir de 2018. Pacientes com quadros mais grave da doença terão prioridade
Foto: Rodrigo Nunes/Ministério da Saúde
País vai tratar 657 mil pessoas a partir de 2018. Pacientes com quadros mais grave da doença terão prioridade
País vai tratar 657 mil pessoas a partir de 2018. Pacientes com quadros mais grave da doença terão prioridade
Foto: Rodrigo Nunes/Ministério da Saúde
País vai tratar 657 mil pessoas a partir de 2018. Pacientes com quadros mais grave da doença terão prioridade
País vai tratar 657 mil pessoas a partir de 2018. Pacientes com quadros mais grave da doença terão prioridade
Foto: Rodrigo Nunes/Ministério da Saúde

Governo digital