Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 10 > Municípios recebem recursos para investir na melhoria de farmácias hospitalares

Saúde

Municípios recebem recursos para investir na melhoria de farmácias hospitalares

por Portal Brasil publicado: 24/10/2012 16h40 última modificação: 29/07/2014 09h02

Os municípios selecionados têm até 100 mil habitantes com população extremamente pobre e são alvo do Plano Brasil Sem Miséria

O Ministério da Saúde, por meio do Programa Nacional de Qualificação da Assistência Farmacêutica (Qualifar-SUS),  começou nesta semana a realizar oficinas regionais e transferir cerca de R$ 6 milhões para 453 municípios, com até 100 mil habitantes e prioritários no Plano Brasil sem Miséria

De acordo com o secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde, Carlos Gadelha, o Qualifar-SUS inaugura uma nova fase na assistência farmacêutica no país. “Fortalecer os serviços farmacêuticos no Sistema Único de Saúde (SUS) vai impactar diretamente na melhoria da qualidade da saúde da população brasileira”, afirma. Segundo ele, o programa reforça o compromisso do ministério de qualificar o setor. “A população vai notar que os serviços farmacêuticos nesses municípios estarão mais estruturados, melhorando o acesso e diminuindo os riscos relacionados ao uso de medicamentos inadequados pela população”, explica.

Os 453 municípios habilitados em 2012 já fazem parte de outros programas da Atenção Básica, como o Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (Pmaq), Programa de Requalificação das Unidades Básicas de Saúde (Requalifica UBS) e o Sistema Hórus. “Com a transferência de recursos, eles serão avaliados pelo Ministério da Saúde, com apoio do Conass e Conasems, e pelas coordenações estaduais da assistência farmacêutica por meio de um sistema informatizado de monitoramento. Atualmente, somente 39 municípios possuem sistemas próprios e esses devem encaminhar o planejamento até março de 2013 para que o município esteja apto a receber um novo repasse no trimestre seguinte”, esclarece Gadelha.

Saiba aqui quais são os municípios prioritários do Brasil Sem Miséria.

Para ampliar a base nacional de dados e ações da assistência farmacêutica, os municípios estão recebendo apoio técnico para implementar as ações e utilizar as ferramentas de monitoramento. O primeiro estado a receber a oficina de planejamento foi o Espírito Santo.

O Programa

A proposta do Qualifar-SUS é contribuir para o aprimoramento, implementação e integração das atividades da assistência farmacêutica nas ações e serviços de saúde, visando uma atenção contínua, integral, segura, responsável e humanizada. É dividido em quatro eixos: estrutura, informação, educação e cuidado. Nesta primeira fase, o eixo estrutura destina o recurso aos municípios habilitados para a aquisição de mobiliários e equipamentos necessários para estruturação das Centrais de Abastecimento Farmacêutico e das Farmácias no âmbito da Atenção Básica.

 

Fonte:

Blog da Saúde
Brasil Sem Miséria
Portal Brasil

 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Parcerias podem oferecer remédios mais baratos a toda população
A parceria entre instituições públicas e privadas para a produção de medicamentos garante que o SUS tenha uma atuação mais ampla na prevenção e no combate a doenças, como febre amarela, HIV e leucemia
Informatização de todas as unidades básicas é uma das principais metas do Ministério da Saúde
Atualmente, dos quase 43 mil postos espalhados pelo País, cerca de 16 mil já estão conectados à plataforma DigiSUS
Campanha vai imunizar 47 milhões de crianças e adolescentes
Público-alvo da nova campanha de vacinação, que segue até 22 de setembro, compreende 47 milhões de crianças e adolescentes de até 15 anos
A parceria entre instituições públicas e privadas para a produção de medicamentos garante que o SUS tenha uma atuação mais ampla na prevenção e no combate a doenças, como febre amarela, HIV e leucemia
Parcerias podem oferecer remédios mais baratos a toda população
Atualmente, dos quase 43 mil postos espalhados pelo País, cerca de 16 mil já estão conectados à plataforma DigiSUS
Informatização de todas as unidades básicas é uma das principais metas do Ministério da Saúde
Público-alvo da nova campanha de vacinação, que segue até 22 de setembro, compreende 47 milhões de crianças e adolescentes de até 15 anos
Campanha vai imunizar 47 milhões de crianças e adolescentes

Últimas imagens

Nos locais onde há Centros de Apoio Psicossocial (CAPS), iniciativa do SUS, risco de suicídio reduz em até 14%
Nos locais onde há Centros de Apoio Psicossocial (CAPS), iniciativa do SUS, risco de suicídio reduz em até 14%
Arquivo/Agência Brasil
Recursos permitem custeio de procedimentos de atenção básica e de Média e Alta Complexidade
Recursos permitem custeio de procedimentos de atenção básica e de Média e Alta Complexidade
Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília
Levetiracetam também será incorporado para tratar de pacientes com epilepsia mioclônica juvenil
Levetiracetam também será incorporado para tratar de pacientes com epilepsia mioclônica juvenil
Arquivo/Ministério da Saúde

Governo digital