Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 10 > Pacientes com dor crônica terão novo medicamento ofertado pelo SUS

Saúde

Pacientes com dor crônica terão novo medicamento ofertado pelo SUS

Tratamento

Gabapentina é utilizado no tratamento da dor neuropática e que não responde aos antidepressivos e antiepilépticos
por Portal Brasil publicado: 05/10/2012 15h42 última modificação: 29/07/2014 09h02

Pacientes que fazem tratamento para dor crônica passam a contar com mais um tipo de medicamento, o gabapentina, no Sistema Único de Saúde (SUS), depois de atualização do Protocolo Clínico de Diretrizes Terapêuticas da Dor Crônica, cuja primeira versão é de em 2002.

A Portaria n° 1.083 traz a inclusão do medicamento, além de orientações aos profissionais quanto ao seu uso, critérios de diagnósticos, tratamento, controle e avaliação. As diretrizes são de caráter nacional e devem ser seguidas pelos profissionais de saúde para garantir o acesso e qualidade no atendimento aos pacientes.

Gabapentina
O medicamento Gabapentina é utilizado no tratamento da dor neuropática (localizada em qualquer ponto de uma via nervosa por lesão ou disfunção de estruturas do sistema nervoso periférico ou central) e que não responde aos antidepressivos e antiepilépticos. Os benefícios esperados são o alívio da dor, garantindo qualidade de vida aos pacientes.

O tratamento é iniciado na atenção básica, e o tempo varia de acordo com a necessidade de cada paciente.  A ausência de efeitos do analgésico ou a presença de efeitos colaterais são critérios para sua interrupção ou substituição do tratamento.

Dor Crônica
Entende-se por dor crônica a dor persistente por mais de três a seis meses, independentemente de qual seja a sua causa. De acordo com a Associação Internacional para o Estudo da Dor (Iasp, em inlgês), a dor é uma sensação ou experiência emocional desagradável, associada a danos para a saúde. A dor pode ser classificada como nociceptiva (visceral e medula espinhal), tendo como sintomas náuseas e vômitos; dor neuropática (sistema nervoso) e dor mista.

Fonte:

Ministério da Saúde

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Hospital da UnB amplia áreas de atendimento após repasses federais
Mais Médicos: um serviço ao Brasil
Médico aposentado que aderiu ao programa do governo federal resolve servir em comunidades carentes.
Mais Médicos para todos
Inscrito no programa do governo federal, médico aposentado defende utilidade do Mais Médicos.
Hospital da UnB amplia áreas de atendimento após repasses federais
Hospital da UnB amplia áreas de atendimento após repasses federais
Médico aposentado que aderiu ao programa do governo federal resolve servir em comunidades carentes.
Mais Médicos: um serviço ao Brasil
Inscrito no programa do governo federal, médico aposentado defende utilidade do Mais Médicos.
Mais Médicos para todos

Últimas imagens

Serão necessários outros estudos para analisar qual o tempo de sobrevivência do vírus após passar pelos sucos gástricos
Serão necessários outros estudos para analisar qual o tempo de sobrevivência do vírus após passar pelos sucos gástricos
Divulgação/EBc
Aplicativo permite mapear focos do mosquito Aedes aegypti
Aplicativo permite mapear focos do mosquito Aedes aegypti
Divulgação/Blog da Saúde
Com o leite humano, o bebê fica protegido de infecções, diarreias e alergias, cresce com mais saúde, ganha peso mais rápido e fica menos tempo internado
Com o leite humano, o bebê fica protegido de infecções, diarreias e alergias, cresce com mais saúde, ganha peso mais rápido e fica menos tempo internado
Divulgação/EBC
Campnha desse ano tem como slogan Deixe a Camisinha Entrar na Festa
Campnha desse ano tem como slogan Deixe a Camisinha Entrar na Festa
Divulgação/Blog da Saúde
Profissionais vão reforçar a assistência na rede de saúde do Rio de Janeiro
Profissionais vão reforçar a assistência na rede de saúde do Rio de Janeiro
Divulgação/EBC

Governo digital