Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2013 > 01 > Campanha de prevenção de acidentes no trânsito para o Carnaval começa a ser veiculada

Saúde

Campanha de prevenção de acidentes no trânsito para o Carnaval começa a ser veiculada

por Portal Brasil publicado: 31/01/2013 12h00 última modificação: 29/07/2014 09h19
Divulgação / Ministério dos Transportes No final de 2012, a campanha colaborou para a redução de 12% nas mortes nas rodovias

No final de 2012, a campanha colaborou para a redução de 12% nas mortes nas rodovias

Os vídeos terão forte apelo emocional para chamar a atenção para os perigos no trânsito

 

Com objetivo de mobilizar a sociedade sobre a importância da educação no trânsito nas rodovias federais, o Ministério dos Transportes (MT) começa a veicular, no próximo domingo (3), a campanha para prevenção de acidentes no período de Carnaval. A campanha consiste em um vídeo de 30 segundos nas emissoras de televisão em oito capitais e banners em  portais de internet. A ação vai até o sábado (9), que coincide com o aumento do tráfego nas estradas.

O vídeo, disponível no site do MT, é o mesmo divulgado nos feriados de final do ano. As capitais para a veiculação foram escolhidas seguindo estatísticas da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e as orientações do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit), que mostraram as regiões de maior índice de acidentes nas estradas: Belo Horizonte (MG), Brasília (DF), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Goiânia (GO), Porto Alegre (RS), Recife (PE) e Salvador (BA).

O público da campanha é o motorista de todas as classes sociais. Para chegar a este alvo e o teor das peças publicitárias, o ministério encomendou uma pesquisa, em setembro do ano passado, que mostrou que os vídeos deveriam ter forte apelo emocional, e chamar a atenção para os perigos de ultrapassagem em locais proibidos e o excesso de velocidade.

No final de 2012, a campanha colaborou para a redução de 12% nas mortes nas rodovias, segundo dados da Polícia Rodoviária Federal.

 

Parada -Rodovia

Em dezembro do ano passado, foi lançada a Operação Integrada Parada-Rodovia 2012/2013 com foco na redução do número de acidentes no trânsito no período de 15 de dezembro a 13 de fevereiro de 2013.

Desenvolvida pelos ministérios das Cidades, Saúde, Transportes e Justiça, a operação faz parte do Parada – Um Pacto pela Vida, lançado pelo governo brasileiro em resposta a deliberação da ONU de reduzir em 50% o número de mortes no trânsito no mundo, durante o período de 2011 a 2020.

Entre as ações da Operação estarão a instalação de equipamentos eletrônicos controladores de velocidade como barreiras eletrônicas, pardais, controle de avanço de sinais e parada sobre faixas. A previsão é fechar o ano de 2012 com 1.650 equipamentos em operação. Até 2013, serão 2.696 equipamentos, que vão monitorar 5.392 faixas pelo prazo de cinco anos. Neste período, o governo federal investirá R$ 773,3 milhões no programa, com recursos previstos no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

 

 

Fonte:
Ministério dos Transportes
Portal Brasil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Insulina análoga será ofertada no tratamento de crianças com diabetes
Expectativa é que o remédio, considerado mais seguro e de ação rápida, esteja disponível já em 2018
Samu recebe reforço federal de R$ 33 milhões
Os recursos são destinados para custeio e melhoria do atendimento do Samu em municípios de todas as regiões
Quase 58 mil casos de câncer de mama foram diagnosticados no Brasil
Campanha do Outubro Rosa conscientiza sobre o câncer de mama. Pacientes do Rio de Janeiro contam como encontraram apoio no SUS
Expectativa é que o remédio, considerado mais seguro e de ação rápida, esteja disponível já em 2018
Insulina análoga será ofertada no tratamento de crianças com diabetes
Os recursos são destinados para custeio e melhoria do atendimento do Samu em municípios de todas as regiões
Samu recebe reforço federal de R$ 33 milhões
Campanha do Outubro Rosa conscientiza sobre o câncer de mama. Pacientes do Rio de Janeiro contam como encontraram apoio no SUS
Quase 58 mil casos de câncer de mama foram diagnosticados no Brasil

Últimas imagens

A cada ano, as vacinas influenza sazonais são modificadas para proteção contra estirpes virais em circulação
A cada ano, as vacinas influenza sazonais são modificadas para proteção contra estirpes virais em circulação
Arquivo/Ministério da Saúde
Com a globalização, vírus do sarampo e rubéola, endêmicos na Europa, podem voltar a circular no Brasil
Com a globalização, vírus do sarampo e rubéola, endêmicos na Europa, podem voltar a circular no Brasil
Foto: Andre Borges/Agência Brasília
Vírus do sarampo e rubéola são endêmicos em países europeus e, com a globalização, podem voltar a circular no Brasil
Vírus do sarampo e rubéola são endêmicos em países europeus e, com a globalização, podem voltar a circular no Brasil
Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília
Programa conta com 18.240 vagas em mais de 4 mil municípios e 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas
Programa conta com 18.240 vagas em mais de 4 mil municípios e 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas
Cícero Oliveira/UFRN

Governo digital