Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2013 > 01 > Campanha de prevenção de acidentes no trânsito para o Carnaval começa a ser veiculada

Saúde

Campanha de prevenção de acidentes no trânsito para o Carnaval começa a ser veiculada

por Portal Brasil publicado: 31/01/2013 12h00 última modificação: 29/07/2014 09h19
Divulgação / Ministério dos Transportes No final de 2012, a campanha colaborou para a redução de 12% nas mortes nas rodovias

No final de 2012, a campanha colaborou para a redução de 12% nas mortes nas rodovias

Os vídeos terão forte apelo emocional para chamar a atenção para os perigos no trânsito

 

Com objetivo de mobilizar a sociedade sobre a importância da educação no trânsito nas rodovias federais, o Ministério dos Transportes (MT) começa a veicular, no próximo domingo (3), a campanha para prevenção de acidentes no período de Carnaval. A campanha consiste em um vídeo de 30 segundos nas emissoras de televisão em oito capitais e banners em  portais de internet. A ação vai até o sábado (9), que coincide com o aumento do tráfego nas estradas.

O vídeo, disponível no site do MT, é o mesmo divulgado nos feriados de final do ano. As capitais para a veiculação foram escolhidas seguindo estatísticas da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e as orientações do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit), que mostraram as regiões de maior índice de acidentes nas estradas: Belo Horizonte (MG), Brasília (DF), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Goiânia (GO), Porto Alegre (RS), Recife (PE) e Salvador (BA).

O público da campanha é o motorista de todas as classes sociais. Para chegar a este alvo e o teor das peças publicitárias, o ministério encomendou uma pesquisa, em setembro do ano passado, que mostrou que os vídeos deveriam ter forte apelo emocional, e chamar a atenção para os perigos de ultrapassagem em locais proibidos e o excesso de velocidade.

No final de 2012, a campanha colaborou para a redução de 12% nas mortes nas rodovias, segundo dados da Polícia Rodoviária Federal.

 

Parada -Rodovia

Em dezembro do ano passado, foi lançada a Operação Integrada Parada-Rodovia 2012/2013 com foco na redução do número de acidentes no trânsito no período de 15 de dezembro a 13 de fevereiro de 2013.

Desenvolvida pelos ministérios das Cidades, Saúde, Transportes e Justiça, a operação faz parte do Parada – Um Pacto pela Vida, lançado pelo governo brasileiro em resposta a deliberação da ONU de reduzir em 50% o número de mortes no trânsito no mundo, durante o período de 2011 a 2020.

Entre as ações da Operação estarão a instalação de equipamentos eletrônicos controladores de velocidade como barreiras eletrônicas, pardais, controle de avanço de sinais e parada sobre faixas. A previsão é fechar o ano de 2012 com 1.650 equipamentos em operação. Até 2013, serão 2.696 equipamentos, que vão monitorar 5.392 faixas pelo prazo de cinco anos. Neste período, o governo federal investirá R$ 773,3 milhões no programa, com recursos previstos no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

 

 

Fonte:
Ministério dos Transportes
Portal Brasil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Mais de 196 milhões de consultas foram realizadas nas unidades básicas de saúde em 2016
Neste ano o Ministério da Saúde pretende ampliar esses serviços a partir de mudanças que estão sendo formuladas
Prontuário eletrônico dos pacientes do SUS deve ser implantado em todo país até final de 2018
Ministro da Saúde apresenta balanço da economia feita desde que assumiu a pasta
Farmácia Popular vai receber mais R$ 80 milhões por ano para a compra de medicamento
Atualmente, cerca de 10 milhões de pessoas são beneficiadas por mês com a iniciativa
Neste ano o Ministério da Saúde pretende ampliar esses serviços a partir de mudanças que estão sendo formuladas
Mais de 196 milhões de consultas foram realizadas nas unidades básicas de saúde em 2016
Ministro da Saúde apresenta balanço da economia feita desde que assumiu a pasta
Prontuário eletrônico dos pacientes do SUS deve ser implantado em todo país até final de 2018
Atualmente, cerca de 10 milhões de pessoas são beneficiadas por mês com a iniciativa
Farmácia Popular vai receber mais R$ 80 milhões por ano para a compra de medicamento

Últimas imagens

Medida foi possível após realocação dos R$ 100 milhões destinados à Rede Própria do Farmácia Popular
Medida foi possível após realocação dos R$ 100 milhões destinados à Rede Própria do Farmácia Popular
Arquivo/Ministério da Saúde
Homens têm mais diabetes, colesterol elevado, obesidade e pressão alta
Homens têm mais diabetes, colesterol elevado, obesidade e pressão alta
Olival Santos/Governo de Alagoas
Programa ainda conscientiza os pais sobre a importância da participação no acompanhamento da gravidez
Programa ainda conscientiza os pais sobre a importância da participação no acompanhamento da gravidez
Divulgação/Prefeitura de Itanhaém (SP)
Estudantes serão envolvidos em atividades como prevenção à obesidade e combate ao Aedes aegypti
Estudantes serão envolvidos em atividades como prevenção à obesidade e combate ao Aedes aegypti
Foto: Tony Winston/Agência Brasília

Governo digital