Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2013 > 04 > Liberados R$ 4,1 milhões para ações contra dengue em três estados

Saúde

Liberados R$ 4,1 milhões para ações contra dengue em três estados

por Portal Brasil publicado: 05/04/2013 15h28 última modificação: 29/07/2014 09h21
Divulgação / Para prevenir a dengue é preciso ter areia nos vasos de planta e eliminar recipientes que podem acumular água, como garrafas plásticas e pneus

Para prevenir a dengue é preciso ter areia nos vasos de planta e eliminar recipientes que podem acumular água, como garrafas plásticas e pneus

Os recursos serão usados no atendimento ao paciente e em ações para o enfrentamento da doença em Campo Grande (MS), Uberaba (MG) e Aparecida de Goiânia (GO)

Com o objetivo de melhorar a assistência aos pacientes com dengue de três municípios dos estados de Goiás, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais, o Ministério da Saúde libera o repasse de R$ 4,1 milhões. Os recursos, que também podem ser utilizados em ações para enfrentamento da doença, irão beneficiar os municípios de Uberaba, em Minas Gerais; Campo Grande, no Mato Grosso do Sul; e Aparecida de Goiânia, em Goiás.

A liberação dos recursos foi publicada no Diário Oficial da União nesta semana por meio de três portarias. Os recursos, que foram solicitados pelos próprios gestores locais, serão destinados à organização da rede de assistência e em ações e serviços de saúde que tenham relação com a situação epidemiológica.

A cidade de Campo Grande, que se declara em estado de emergência, receberá R$ 2,8 milhões em quatro parcelas de R$ 700 mil, repassados pelo Fundo Nacional de Saúde ao Fundo Municipal de Saúde. À cidade de Uberaba foram destinados R$ 832 mil, para atender a situação epidemiológica da dengue, repassado em parcela única, fundo a fundo. Já o município de Aparecida de Goiânia receberá R$ 509 mil, também em parcela única.

O aporte financeiro permitirá que o gestor local possa contratar profissionais da área de saúde para atendimento aos pacientes e, ainda, comprar equipamentos, medicamentos e insumos para as ações de combate à dengue.

 

Ações

Com vistas na prevenção, no combate ao mosquito transmissor e no atendimento aos pacientes de dengue, o ministério têm realizado uma serie de ações. No final do ano passado foi realizado um repasse adicional de R$ 173,3 milhões a todos os municípios brasileiros, para serem investidos em qualificação das atividades de prevenção e controle da dengue.

Entre estas ações também se destacam o apoio técnico às secretarias estaduais de saúde para a elaboração dos planos de contingência de enfrentamento de epidemias da dengue; a compra de estoque estratégico para atendimento às vitimas da doença, como soro fisiológico, sais de reidratação oral, como também, compra de estoque estratégico de inseticidas e larvicidas; e a distribuição aos estados e municípios de 2,5 mil toneladas de larvicidas, 350 mil litros de inseticidas e 60 mil litros de solventes de inseticidas.

Em novembro passado, o Ministério da Saúde também lançou também a campanha de mobilização contra a dengue, intensificando a divulgação durante todo o período de mais ocorrência da doença e promoveu cursos de ensino à distância aos profissionais de saúde em manejo clínico do paciente com dengue.

Além disso, o órgão promove assessoria técnica aos gestores locais para organização da rede de serviços de saúde ao atendimento dos pacientes com a doença,bem como o apoio às atividades de prevenção e investigação dos óbitos suspeitos de dengue.

 

Fonte:
Ministério da Saúde

 

 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Fiocruz participa da Semana Nacional dos Museus com uma série de atividades
Museu da Vida da Fiocruz, no Rio de Janeiro, apresenta uma programação especial em homenagem à Semana Nacional dos Museus
Campanha do Ministério da Saúde incentiva a doação de leite materno
Ministério da Saúde lançou campanha para incentivar a doação de leite materno com slogan "Um pouquinho do que você doa, é tudo para quem precisa"
Governo decreta fim da Emergência Nacional para o vírus zika e microcefalia
Governo decretou fim da Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional para o vírus zika e a microcefalia. Medida ocorre após queda na ocorrência dos casos do vírus no País.
Museu da Vida da Fiocruz, no Rio de Janeiro, apresenta uma programação especial em homenagem à Semana Nacional dos Museus
Fiocruz participa da Semana Nacional dos Museus com uma série de atividades
Ministério da Saúde lançou campanha para incentivar a doação de leite materno com slogan "Um pouquinho do que você doa, é tudo para quem precisa"
Campanha do Ministério da Saúde incentiva a doação de leite materno
Governo decretou fim da Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional para o vírus zika e a microcefalia.  Medida ocorre após queda na ocorrência dos casos do vírus no País.
Governo decreta fim da Emergência Nacional para o vírus zika e microcefalia

Últimas imagens

No primeiro mutirão, foram realizados 3.649 atendimentos em 22 estados e Distrito Federal
No primeiro mutirão, foram realizados 3.649 atendimentos em 22 estados e Distrito Federal
Merval Filho/Ebserh
Glaucoma não tem cura, mas pode ser controlado com colírios ou cirurgia
Glaucoma não tem cura, mas pode ser controlado com colírios ou cirurgia
Divulgação/Governo do Espírito Santo
O laboratório público Bio-Manguinhos/Fiocruz produz cerca de 6 milhões de doses mensais da vacina
O laboratório público Bio-Manguinhos/Fiocruz produz cerca de 6 milhões de doses mensais da vacina
Divulgação/Ministério da Saúde
Percentual de adultos que consomem frutas e hortaliças regularmente deve aumentar em no mínimo 17,8%
Percentual de adultos que consomem frutas e hortaliças regularmente deve aumentar em no mínimo 17,8%
Foto: Rodrigo Nunes/Ministério da Saúde

Governo digital