Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2016 > 02 > Temer destaca a importância do combate preventivo ao Aedes aegypti

Saúde

Temer destaca a importância do combate preventivo ao Aedes aegypti

Zika Zero

O vice-presidente visitou escola na capital acreana e falou sobre a importância das ações de combate ao mosquito
por Portal Brasil publicado: 19/02/2016 20h07 última modificação: 04/03/2016 10h39

O vice-presidente Michel Temer esteve no Acre nesta sexta-feira (19) para realizar ações da Mobilização Nacional da Educação Zika Zero. Na escola José Sales de Araújo, em Rio Branco (AC), Temer deu orientações aos estudantes sobre como combater o mosquito Aedes aegypti.

Ele destacou a importância do controle para prevenção do zika vírus, da dengue e da chikungunya, especialmente em locais como a capital acreana, onde ainda não há registro de pacientes com vírus zika. "Estou vendo, pela mobilização que vocês estão fazendo, que aqui no Acre o mosquito não vai ter coragem de entrar, porque vocês vão combater de uma tal maneira que vão eliminar preventivamente", disse.

Ele convidou as crianças para fazer o trabalho de vigilantes mirins e conferir a casa e a comunidade em busca de possíveis criadouros do Aedes aegypti. "O que vocês vão fazer em casa, crianças, é olhar em volta na caixa d'água, vaso de planta e, se tiver água parada, chamar o papai ou a mamãe e retira a água parada que está lá. Assim, daremos um jeito nessa epidemia", completou. Temer ainda avaliou que as mobilizações nacionais tem dado resultado, já que o tema do combate ao mosquito tem ocupado todos os espaços de discussão.

A iniciativa faz parte dos esforços do governo federal previstos no Plano Nacional de Enfrentamento ao Aedes aegypti e à microcefalia, lançado pela presidenta Dilma Rousseff em dezembro do ano passado. Segundo o Ministério da Saúde, cerca de dois terços dos criadouros do mosquito estão dentro das casas.

Fonte: Portal Brasil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Mutirão já realizou mais de 33 mil cirurgias no país
O Ministério da Saúde está trabalhando para diminuir a espera por cirurgias eletivas, aquelas que não são emergências
Fábrica de medicamentos biológicos é inaugurada no DF
Medicamentos biológicos são produtos inovadores para o tratamento de doenças crônicas, como câncer, diabetes, artrite reumatoide e esclerose múltipla
Governo libera R$ 220 milhões para hospitais universitários de todo o País
Recursos serão distribuídos entre 48 hospitais das cinco regiões
O Ministério da Saúde está trabalhando para diminuir a espera por cirurgias eletivas, aquelas que não são emergências
Mutirão já realizou mais de 33 mil cirurgias no país
Medicamentos biológicos são produtos inovadores para o tratamento de doenças crônicas, como câncer, diabetes, artrite reumatoide e esclerose múltipla
Fábrica de medicamentos biológicos é inaugurada no DF
Recursos serão distribuídos entre 48 hospitais das cinco regiões
Governo libera R$ 220 milhões para hospitais universitários de todo o País

Últimas imagens

Soro
Divulgação/Prefeitura de Campo Verde (MT)
País vai tratar 657 mil pessoas a partir de 2018. Pacientes com quadros mais grave da doença terão prioridade
País vai tratar 657 mil pessoas a partir de 2018. Pacientes com quadros mais grave da doença terão prioridade
Foto: Rodrigo Nunes/Ministério da Saúde
País vai tratar 657 mil pessoas a partir de 2018. Pacientes com quadros mais grave da doença terão prioridade
País vai tratar 657 mil pessoas a partir de 2018. Pacientes com quadros mais grave da doença terão prioridade
Foto: Rodrigo Nunes/Ministério da Saúde
País vai tratar 657 mil pessoas a partir de 2018. Pacientes com quadros mais grave da doença terão prioridade
País vai tratar 657 mil pessoas a partir de 2018. Pacientes com quadros mais grave da doença terão prioridade
Foto: Rodrigo Nunes/Ministério da Saúde

Governo digital