Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2016 > 03 > Saúde na Escola mobiliza 18 milhões de alunos contra o Aedes

Saúde

Saúde na Escola mobiliza 18 milhões de alunos contra o Aedes

Prevenção

Com a participação de 78 mil escolas públicas, programa terá orientações sobre eliminação de criadouros dos mosquitos, sintomas e tratamentos das doenças
por Portal Brasil publicado: 07/03/2016 17h20 última modificação: 08/03/2016 18h20

A Semana Saúde na Escola começou nesta segunda-feira (7) e segue até a próxima sexta-feira (11) , envolvendo mais de 18 milhões de estudantes em 4.787 municípios. Com a participação de equipes de saúde da Atenção Básica, a ação fortalecerá a mobilização de combate ao mosquito Aedes aegypti. O programa contará com R$ 83 milhões, garantindo a continuidade do programa em 78 mil escolas ao longo deste ano.

O objetivo é mobilizar as equipes das escolas e das unidades de saúde, familiares e comunidades, todos que fazem parte da rotina dos educandos. As atividades abrangem desde a educação infantil à Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Com o tema “Comunidade Escolar Mobilizada Contra o Aedes aegypti”, a proposta tem como principal motivação a necessidade da comunidade escolar ter acesso às informações necessárias no combate ao mosquito e à adoção de práticas sanitárias e saudáveis para a manutenção do ambiente escolar e residencial, limpos e seguros.

“A forma mais eficaz de prevenção e combate a esse vetor é não deixar o mosquito nascer. É muito importante que as crianças e adolescentes, junto aos familiares, possam dedicar 15 minutos por semana para eliminar os criadouros do Aedes aegypti. A mobilização da comunidade escolar é fundamental para enfrentar essa situação de forma permanente”, ressalta o ministro da Saúde, Marcelo Castro. 

Saúde na Escola

Criado em 2007 pelo governo federal, o Programa Saúde na Escola é uma parceria entre os ministérios da Saúde e da Educação para promover a melhoria da qualidade de vida dos estudantes da rede pública de ensino. A semana abre as ações do Programa Saúde na Escola, que, a cada ano, lança um novo tema de mobilização, trabalhado nas escolas pelas equipes de saúde e de educação durante o ano letivo, fazendo parte no cotidiano da comunidade escolar.

Voltado à promoção da saúde e à prevenção de doenças e agravos, o programa prevê a articulação entre profissionais de saúde e das escolas para acompanhar as condições de saúde dos estudantes e realizar ações de promoção da saúde. Avaliação e orientação nutricional, incluindo o combate à desnutrição e à obesidade infantil, fazem parte do Programa. Em 2015, os temas centrais da Semana Saúde na Escola foram alimentação saudável e práticas corporais.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Portal da Saúde

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

SUS oferece melhor tratamento do mundo para HIV e Aids
Ricardo Barros, ministro da Saúde, fala durante coletiva de anúncio de uso do medicamento Dolutegravir para tratamento de HIV e Aids no Sistema Único de Saúde (SUS)
Instituto Nacional de Traumatologia ganha novo espaço de reabilitação
Local simula os ambientes de uma casa, onde as pessoas em tratamento podem reaprender a fazer as tarefas cotidianas.
Ministério da Saúde disponibiliza novo remédio para combater o vírus HIV
Ministério da Saúde irá disponibilizar o medicamento Dolutegravir para tratamento de HIV
Ricardo Barros, ministro da Saúde, fala durante coletiva de anúncio de uso do medicamento Dolutegravir para tratamento de HIV e Aids no Sistema Único de Saúde (SUS)
SUS oferece melhor tratamento do mundo para HIV e Aids
 Local simula os ambientes de uma casa, onde as pessoas em tratamento podem reaprender a fazer as tarefas cotidianas.
Instituto Nacional de Traumatologia ganha novo espaço de reabilitação
Ministério da Saúde irá disponibilizar o medicamento Dolutegravir para tratamento de  HIV
Ministério da Saúde disponibiliza novo remédio para combater o vírus HIV

Últimas imagens

O Ministério da Saúde enviou aos Estados 19,2 milhões de unidades extras de 14 vacinas
O Ministério da Saúde enviou aos Estados 19,2 milhões de unidades extras de 14 vacinas
Rodrigo Nunes/Ministério da Saúde
No transporte, deve-se levar em conta o risco de infecção do trabalhador
No transporte, deve-se levar em conta o risco de infecção do trabalhador
Venilton Küchler/Governo do Paraná
Médicos que completam três anos de atuação no Mais Médicos serão substituídos por novos profissionais a partir de novembro
Médicos que completam três anos de atuação no Mais Médicos serão substituídos por novos profissionais a partir de novembro
Karina Zambrana/Ministério da Saúde
Até o início de julho, são mais de 40,6 mil unidades em funcionamento
Até o início de julho, são mais de 40,6 mil unidades em funcionamento
Divulgação/Prefeitura de Guaratuba (PR)
A ingestão de frutas esteve presente em 98,8%
A ingestão de frutas esteve presente em 98,8%
Arquivo/Agência Brasil

Governo digital