Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2016 > 08 > Campanha #EuAbraço conscientiza sobre HIV/Aids

Saúde

Campanha #EuAbraço conscientiza sobre HIV/Aids

Doenças Sexualmente Transmissíveis

Peças serão veiculadas durante Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro (RJ) e Salvador (BA)
publicado: 05/08/2016 21h31 última modificação: 08/08/2016 09h09
Andre Borges/Agência Brasília Além de ação nas redes sociais, campanha vai distribuir 500 mil camisinhas e oferecer testes

Além de ação nas redes sociais, campanha vai distribuir 500 mil camisinhas e oferecer testes

Para difundir informações sobre prevenção, diagnóstico, tratamento e discriminação ao HIV/Aids, o Ministério da Saúde lança neste sábado a campanha #EuAbraço. A ideia é veicular as peças publicitárias durante a realização dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro e em Salvador até 18 de setembro e fomentar o debate sobre o tema para promover a tolerância, o respeito e a paz.

“A campanha #EuAbraço foi inspirada pelo emblema dos Jogos Olímpicos do Rio 2016. Iremos promover, nesses tempos de intolerância ao redor do mundo, por meio da referência simbólica e física do abraço, atitudes de empatia, afeto, união, amizade, altruísmo, conquistas, apoio, hospitalidade e brasilidade. Além disso, aproveitamos para passar mensagens de prevenção ao HIV, aids e às infecções sexualmente transmissíveis”, explicou a diretora do Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais, Adele Benzaken.

Ações previstas

Entre as medidas que serão adotadas, haverá mobilizações presenciais nos locais onde os jogos serão transmitidos ao público. Nesses espaços, serão montados os “pontos de abraço”, nos quais haverá espaço para fotos e selfies.

Durante as atividades, cerca de 50 voluntários da ONG Pela Vida (RJ) e AHF Brasil estarão em pontos estratégicos do Rio de Janeiro (Parque Madureira, Praça XV e Praça Mauá) e em Salvador, para a distribuição de preservativos, materiais informativos, realização de flashmobs, em que serão distribuídos abraços.

Nesses locais, também haverá ações de mobilização com o “Homem Camisinha”, que fará distribuição de 500 mil preservativos masculinos e 10 mil femininos, durante todo o período dos jogos.

Também serão oferecidos ao público testes de HIV por fluido oral em pontos específicos da capital fluminense (Parque Madureira e Zona Portuária). Em Salvador, a ação vai ocorrer no estádio Arena Fonte Nova e da Praia do Porto da Barra. 

Redes Sociais

A campanha também será on-line por meio de postagens nas redes sociais do Ministério da Saúde, DDAHV, Unaids e de todos os parceiros, incluindo promoção da plataforma on-line “Abraçômetro”. O objetivo é alcançar o público jovem fora dos dois centros previstos na ação.

Por meio das hashtags #EuAbraço, #YoAbrazo, #iEmbrace e #j’Embrasse, as pessoas poderão participar da campanha compartilhando fotos de si mesmas abraçando outras pessoas nas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram) e fazer também o upload dessa foto na plataforma on-line da campanha: www.abraçometro.org.br.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério da Saúde 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Ministério da Saúde garante que não faltará vacina de febre amarela
A pasta atualizou os dados sobre os casos de febre amarela registrados no País e garantiu que não vai faltar vacina para imunização
Secretária fala sobre aborto e tratamento das mulheres nos hospitais públicos
Fátima Pelaes detalha ações do governo para o tratamento das mulheres em hospitais públicos e planejamento familiar
Entenda o que é a dose fracionada da vacina contra febre amarela
População de municípios de São Paulo, Rio e Bahia vai receber a dose fracionada da vacina, por decisão do Ministério da Saúde
A pasta atualizou os dados sobre os casos de febre amarela registrados no País e garantiu que não vai faltar vacina para imunização
Ministério da Saúde garante que não faltará vacina de febre amarela
Fátima Pelaes detalha ações do governo para o tratamento das mulheres em hospitais públicos e planejamento familiar
Secretária fala sobre aborto e tratamento das mulheres nos hospitais públicos
População de municípios de São Paulo, Rio e Bahia vai receber a dose fracionada da vacina, por decisão do Ministério da Saúde
Entenda o que é a dose fracionada da vacina contra febre amarela

Governo digital