Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2017 > 04 > Curso capacitará profissionais sobre a saúde da mulher

Saúde

Curso capacitará profissionais sobre a saúde da mulher

Profissionais da saúde

Com carga total de 45h, o curso é dividido em três módulos focados nos protocolos referentes à Atenção Básica
por Portal Brasil publicado: 19/04/2017 15h20 última modificação: 19/04/2017 16h02
Wilson Dias/Agência Brasil O segundo módulo aborda a atenção às mulheres no pré-natal de baixo risco, puerpério e o aleitamento materno

O segundo módulo aborda a atenção às mulheres no pré-natal de baixo risco, puerpério e o aleitamento materno

Profissionais de saúde interessados em aprofundar os seus conhecimentos sobre a saúde da mulher já podem se inscrever no curso Saúde das mulheres na Atenção Básica: protocolo clínico para enfermagem. As inscrições podem ser realizadas até 17 de maio.

A atividade é composta por três módulos independentes, com carga horária de 15h cada. “O curso tem como objetivo consolidar o estado da arte do acolhimento, diagnóstico, tratamento e seguimento dos agravos mais comuns que motivam a procura das usuárias do SUS para resolução de seus problemas de saúde”, explica o médico, consultor técnico e editor científico da UNA-SUS, Paulo Biancardi Coury. 

O curso é fruto da parceria entre o Ministério da Saúde  por meio do Departamento de Atenção Básica (DAB) e da Secretaria de Gestão do Trabalho e Educação em Saúde (SGTES)  e a Universidade Federal do Maranhão  integrante da Rede UNA-SUS.

Curso

O primeiro módulo trata da saúde sexual e reprodutiva e da atenção às mulheres em situação de violência. Já a segunda etapa aborda a atenção às mulheres no pré-natal de baixo risco, puerpério e promoção do aleitamento materno. O terceiro e último módulo tem como enfoque atenção ginecológica, climatério e prevenção dos cânceres de colo de útero e mama.

As etapas podem ser realizadas separadamente e segundo a ordem escolhida pelo aluno, que poderá obter certificação pela oferta educacional completa se concluir todas as etapas, ou por cada módulo concluído individualmente.

Apesar do público-alvo do curso serem os enfermeiros, Cury crê que os demais membros da equipe de saúde devem fazer o módulo para conhecerem os procedimentos de enfermagem e para que o diálogo entre os diversos profissionais das equipes seja mais transparente e produtivo.

Confira mais informações sobre esse e outros cursos da rede UNA-SUS.  

Fonte: Portal Brasil, com informações da UNA-SUS

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Quase 58 mil casos de câncer de mama foram diagnosticados no Brasil
Campanha do Outubro Rosa conscientiza sobre o câncer de mama. Pacientes do Rio de Janeiro contam como encontraram apoio no SUS
Número de brasileiros no Programa Mais Médicos aumentou
Em um ano, aumentou 44% a participação de médicos brasileiros no Programa Mais Médicos. Expectativa do governo é substituir 4 mil profissionais em três anos
Governo amplia recursos para UPAs 24h
Ministério da Saúde amplia em R$ 93 milhões os recursos para UPAS 24 horas. O investimento será usado para pagar e qualificar os serviços ofertados à população
Campanha do Outubro Rosa conscientiza sobre o câncer de mama. Pacientes do Rio de Janeiro contam como encontraram apoio no SUS
Quase 58 mil casos de câncer de mama foram diagnosticados no Brasil
Em um ano, aumentou 44% a participação de médicos brasileiros no Programa Mais Médicos. Expectativa do governo é substituir 4 mil profissionais em três anos
Número de brasileiros no Programa Mais Médicos aumentou
Ministério da Saúde amplia em R$ 93 milhões os recursos para UPAS 24 horas. O investimento será usado para pagar e qualificar os serviços ofertados à população
Governo amplia recursos para UPAs 24h

Últimas imagens

A cada ano, as vacinas influenza sazonais são modificadas para proteção contra estirpes virais em circulação
A cada ano, as vacinas influenza sazonais são modificadas para proteção contra estirpes virais em circulação
Arquivo/Ministério da Saúde
Com a globalização, vírus do sarampo e rubéola, endêmicos na Europa, podem voltar a circular no Brasil
Com a globalização, vírus do sarampo e rubéola, endêmicos na Europa, podem voltar a circular no Brasil
Foto: Andre Borges/Agência Brasília
Vírus do sarampo e rubéola são endêmicos em países europeus e, com a globalização, podem voltar a circular no Brasil
Vírus do sarampo e rubéola são endêmicos em países europeus e, com a globalização, podem voltar a circular no Brasil
Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília
Programa conta com 18.240 vagas em mais de 4 mil municípios e 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas
Programa conta com 18.240 vagas em mais de 4 mil municípios e 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas
Cícero Oliveira/UFRN

Governo digital