Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2017 > 10 > Repasse de R$ 93 milhões beneficiará 43 municípios em custeio de UPAs

Saúde

Repasse de R$ 93 milhões beneficiará 43 municípios em custeio de UPAs

Atendimento

Avanço de novas unidades é monitorado para que comecem efetivamente a funcionar em até 90 dias após a conclusão das obras
publicado: 06/10/2017 16h58 última modificação: 12/10/2017 23h09

O Ministério da Saúde (MS) vai repassar recursos federais para custear e qualificar os serviços ofertados à população em 46 Unidades de Pronto Atendimento (UPAs). O anúncio foi feito nesta quinta-feira (5) e beneficiará 43 municípios com a ampliação de assistência na urgência e na emergência.

As unidades vão receber da pasta R$ 93,2 milhões por ano. Desde o ano passado, outras 155 passaram a receber contrapartida federal.

São 562 Unidades de Pronto Atendimento 24 horas pelo País funcionando com incentivo federal mensal de R$ 1,7 bilhão para custear os serviços. As unidades têm capacidade de atender 130 mil pessoas por dia.

O ministério monitora periodicamente o avanço de novas UPAs, para que comecem efetivamente a funcionar em até 90 dias após a conclusão das obras. Para novas construções, a pasta investiu R$ 1,5 bilhões para 839 unidades. Atualmente, 223 UPAs 24 horas estão em obras e já com recursos empenhados.

Unidades de Pronto Atendimento  

As UPAs são unidades de saúde que funcionam em tempo integral, prestando serviço intermediário entre a atenção básica e as unidades hospitalares. Metade do custeio mensal dos pontos de saúde é financiado pelo governo federal. A outra metade é compartilhada entre estados e municípios.

O objetivo das UPAs é prestar atendimento resolutivo e qualificado aos pacientes que estão em situação de urgência e emergência e oferecer os primeiros socorros nos casos de natureza cirúrgica e de trauma.

Confira a lista das UPAs que receberão custeio federal.


UF

Gestor

QTD

Valor Anual

AL

MACEIÓ

1

R$ 3.000.000,00

BA

FEIRA DE SANTANA

1

R$ 3.000.000,00

BA

IPIRA

1

R$ 1.200.000,00

BA

ITABERABA

1

R$ 1.200.000,00

BA

LIVRAMENTO DE NOSSA SENHORA

1

R$ 1.200.000,00

BA

PORTO SEGURO

1

R$ 600.000,00

GO

APARECIDA DE GOIÂNIA

1

R$ 3.000.000,00

GO

ITUMBIARA

1

R$ 1.200.000,00

MG

SALINAS

1

R$ 2.100.000,00

MG

SÃO SEBASTIÃO DO PARAÍSO

1

R$ 2.598.000,00

MT

TANGARÁ DA SERRA

1

R$ 2.730.000,00

PA

ABAETETUBA

1

R$ 2.730.000,00

PA

MARITUBA

1

R$ 2.730.000,00

PB

BAYEUX

1

R$ 1.200.000,00

PB

PATOS

1

R$ 1.200.000,00

PB

SOUZA

1

R$ 2.100.000,00

RS

CACHOEIRA DO SUL

1

R$ 1.200.000,00

RS

GRAVATAÍ

1

R$ 1.200.000,00

RS

SAPUCAIA DO SUL

1

R$ 2.100.000,00

SC

MAFRA

1

R$ 2.100.000,00

SP

FRANCO DA ROCHA

1

R$ 2.100.000,00

SP

JACAREI

1

R$ 2.196.000,00

SP

MOGI DAS CRUZES

1

R$ 2.100.000,00

SP

TAUBATÉ

1

R$ 1.200.000,00

SC

JOINVILLE

1

R$ 3.600.000,00

CE

CAMOCIM

1

R$ 840.000,00

CE

GRANJA

1

R$ 840.000,00

CE

JIJOCA DE JERICOACOARA

1

R$ 840.000,00

MG

BELO HORIZONTE

2

R$ 6.000.000,00

MT

VARZEA GRANDE

1

R$ 3.900.000,00

PA

BELÉM

1

R$ 3.900.000,00

PR

GUAIRA

1

R$ 840.000,00

PR

PATO BRANCO

1

R$ 1.500.000,00

RS

PELOTAS

1

R$ 840.000,00

RS

PORTO ALEGRE

1

R$ 3.000.000,00

RS

SÃO LEOPOLDO

1

R$ 3.000.000,00

SP

BARRETOS

1

R$ 1.500.000,00

SP

MARÍLIA

1

R$ 3.000.000,00

SP

RIO GRANDE DA SERRA

1

R$ 840.000,00

SP

SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

1

R$ 3.000.000,00

SP

SÃO PEDRO

1

R$ 840.000,00

SP

SERTÃOZINHO

1

R$ 1.500.000,00

SP

TAUBATÉ

1

R$ 3.000.000,00

SP

SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

1

R$ 3.000.000,00

TO

PALMAS

1

R$ 1.500.000,00

 

 

46

R$ 93.264.000,00

Fonte: Governo do Brasil, com informações do Ministério da Saúde e Agência Brasil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil