Você está aqui: Página Inicial > Turismo > 2014 > 01 > Imóveis de aluguel são alternativas para a Copa

Turismo

Imóveis de aluguel são alternativas para a Copa

Hospedagem

Rio de Janeiro e cidades do Nordeste têm a maior oferta entre as cidades-sede
por Portal Brasil publicado: 16/01/2014 12h28 última modificação: 30/07/2014 03h30

As doze cidades-sede da Copa do Mundo oferecem mais de 4,2 mil imóveis para aluguel. A capacidade total de hóspedes, segundo levantamento do Ministério do Turismo, é de 22,4 mil, que podem ser úteis para aumentar a oferta de acomodações para turistas no período do mundial de futebol.

Os dados constam no levantamento sobre hospedagem alternativa realizado pelo MTur, que identificou a maior oferta na cidade do Rio de Janeiro. Primeiro destino de lazer do País, a capital fluminense tem 2,7 mil imóveis de aluguel com capacidade para atender cerca de 15 mil pessoas. O Maracanã, estádio ícone do futebol nacional, sediará sete jogos da Copa do Mundo.

Depois do Rio, a maior oferta de imóveis de aluguel aparece em três cidades-sede do Nordeste: Salvador (BA), com 507 unidades; Fortaleza (CE), com 365; e Natal (RN), com 216. Juntos, estes apartamentos e casas têm condições de abrigar 5,5 mil indivíduos. Recife (PE) está na sexta posição, com 130 imóveis e capacidade para 624 hóspedes, como mostra a tabela abaixo.

Maior destino de negócios do País, a cidade de São Paulo oferece 141 imóveis em condições de atender 512 pessoas. As demais cidades-sede (Brasília, Belo Horizonte, Cuiabá, Curitiba, Manaus e Porto Alegre) possuem, juntas, 188 imóveis disponíveis para aluguel.

Fonte:
Ministério do Turismo

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Cartilha orienta prestadores de serviços no atendimento ao público LGBT
Ministério do Turismo lançou publicação para melhorar setor em todo o País
Campanha da Infraero incentiva leitura em aeroportos
Até o dia 5 de novembro, a Infraero realiza a campanha "Livro Viajante" em 32 terminais da companhia
Turismo quer incentivar acessibilidade para pessoas com deficiência
Campanha quer incentivar a acessibilidade para pessoas com deficiência nos locais turísticos brasileiros
Ministério do Turismo lançou publicação para melhorar setor em todo o País
Cartilha orienta prestadores de serviços no atendimento ao público LGBT
Até o dia 5 de novembro, a Infraero realiza a campanha "Livro Viajante" em 32 terminais da companhia
Campanha da Infraero incentiva leitura em aeroportos
Campanha quer incentivar a acessibilidade para pessoas com deficiência nos locais turísticos brasileiros
Turismo quer incentivar acessibilidade para pessoas com deficiência

Últimas imagens

Turismo LGBT é um dos segmentos de mercado que mais crescem no mundo e um nicho atrativo para destinos
Turismo LGBT é um dos segmentos de mercado que mais crescem no mundo e um nicho atrativo para destinos
Flávia Vilela/Agência Brasil
Corumbá se destaca como porta de entrada da América do Sul para a região do Pantanal
Corumbá se destaca como porta de entrada da América do Sul para a região do Pantanal
Divulgação/Prefeitura de Corumbá (MS)
Missão é conscientizar população sobre importância do engajamento de todos na luta contra o mosquito
Missão é conscientizar população sobre importância do engajamento de todos na luta contra o mosquito
Foto: Juliana Boechat/Min. do Turismo
Dos entrevistados no levantamento, 61% afirmam que Haverá investimentos no último trimestre
Dos entrevistados no levantamento, 61% afirmam que Haverá investimentos no último trimestre
Divulgação/Ministério do Turismo
Embratur e MTur defendem isenção permanente pra os quatros países
Embratur e MTur defendem isenção permanente pra os quatros países
Fernando Frazão/Agência Brasil

Governo digital