Você está aqui: Página Inicial > Turismo > 2016 > 10 > Saiba quais documentos você deve ter para viajar com seu animal de estimação

Turismo

Saiba quais documentos você deve ter para viajar com seu animal de estimação

Vigilância

Donos de cães ou gatos devem providenciar passaporte ou certificado veterinário internacional para viajar com seu pet
por Portal Brasil publicado: 24/10/2016 17h13 última modificação: 24/10/2016 17h22

Antes de viajar para o exterior com o cão ou gato de estimação, o turista brasileiro deve providenciar o Certificado Veterinário Internacional (CVI) ou o Passaporte para Trânsito de Cães e Gatos.

Esses documentos comprovam que o animal atende às exigências sanitárias do país de destino e são emitidos de graça pelo Sistema de Vigilância Agropecuária Internacional (Vigiagro), do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Pela internet, é possível obter o contato da Vigiagro mais próxima do viajante.

O passaporte pode ser usado durante toda a vida do animal e não tem prazo de validade. Já o CVI deve ser emitido antes de cada viagem. O passaporte leva um mês para ser expedido pelo Vigiagro, e o certificado veterinário internacional pode ser emitido até mesmo no dia do embarque.

Para expedir os documentos, o dono do animal deve ir até as unidades do Vigiagro em aeroportos, portos ou postos de fronteira. Outra opção é procurar uma das superintendências federais de Agricultura nos estados.

Como funciona

Alguns países aceitam apenas o CVI ou o passaporte para a entrada do animal. Portanto, um documento pode substituir o outro, dependendo do destino da viagem. Os membros do Mercosul (Paraguai, Argentina, Uruguai e Venezuela, além do Brasil) reconhecem os dois documentos como oficiais para o ingresso de animais domésticos.

Em outros países, a entrada de cães e gatos só é aceita exclusivamente por meio do CVI. Para trazer o animal de volta ao território brasileiro, é necessário tirar no país de destino outro certificado. Somente em países do Mercosul, o CVI de saída do Brasil é válido também para o retorno do animal.

O auditor fiscal federal agropecuário Aral Saldanha de Aquino lembra que os donos de animais devem planejar a viagem com antecedência, a fim de conhecer as exigências do país de destino. “Cada país tem seus procedimentos para autorizar a entrada de animais domésticos. O Japão, por exemplo, pode demorar até seis meses para emitir a autorização oficial. Sem ela, não podemos validar o CVI”, diz Aral.

Para mais informações sobre os procedimentos para viajar com seu pet, acesse o site da Vigiagro.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério da Agricultura

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Confira dicas para uma viagem tranquila nesta época do ano
Com as férias escolares e as festas de fim de ano, os aeroportos e rodoviárias costumam ficar mais movimentados. Confira algumas dicas importantes para a alta temporada
Turismo brasileiro em recuperação
Em outubro, gastos de estrangeiros no Pais subiram 6¢. No Rio de Janeiro, quem trabalha no setor já comemora os resultados
Brasil desperta cada vez mais o interesse no turismo ecológico
Para a Embratur, é preciso aproveitar esse potencial do País para atrair mais visitantes e favorecer a economia brasileira
Com as férias escolares e as festas de fim de ano, os aeroportos e rodoviárias costumam ficar mais movimentados. Confira algumas dicas importantes para a alta temporada
Confira dicas para uma viagem tranquila nesta época do ano
Em outubro, gastos de estrangeiros no Pais subiram 6¢. No Rio de Janeiro, quem trabalha no setor já comemora os resultados
Turismo brasileiro em recuperação
Para a Embratur, é preciso aproveitar esse potencial do País para atrair mais visitantes e favorecer a economia brasileira
Brasil desperta cada vez mais o interesse no turismo ecológico

Últimas imagens

Iniciativa faz parte das ações chamada Brasil + Turismo para gerar emprego e renda  por meio do setor
Iniciativa faz parte das ações chamada Brasil + Turismo para gerar emprego e renda por meio do setor
Iniciativa faz parte das ações chamada Brasil + Turismo para gerar emprego e renda  por meio do setor
Iniciativa faz parte das ações chamada Brasil + Turismo para gerar emprego e renda por meio do setor
Empresas são obrigadas a reservar poltronas gratuitas em viagens interestaduais; regras variam de acordo com a categoria
Empresas são obrigadas a reservar poltronas gratuitas em viagens interestaduais; regras variam de acordo com a categoria
Arquivo/Agência Brasil
Ministério da Indústria está realizando consulta para verificar se não há empresas nacionais que produzam os equipamentos
Ministério da Indústria está realizando consulta para verificar se não há empresas nacionais que produzam os equipamentos
Nilo Biazzetto Neto/Ministério do Turismo
Série de procissões em homenagem a Nossa Senhora de Nazaré começam nesta sexta-feira (6)
Série de procissões em homenagem a Nossa Senhora de Nazaré começam nesta sexta-feira (6)
Foto: Sidney Oliveira/Governo do Pará

Governo digital