Você está aqui: Página Inicial > Turismo > 2017 > 06 > Salvador recebe investimento de US$ 105 milhões para turismo

Turismo

Salvador recebe investimento de US$ 105 milhões para turismo

Infraestrutura

Recursos serão para realização de projetos voltados para melhoria na orla, implantação do Museu da História da cidade e do Arquivo Público
por Portal Brasil publicado: 07/06/2017 12h16 última modificação: 07/06/2017 13h27
Divulgação/Embratur Recurso permitirá melhoria na orla, implantação do Museu da História da Cidade e do Arquivo Público

Recurso permitirá melhoria na orla, implantação do Museu da História da Cidade e do Arquivo Público

A capital baiana, Salvador, receberá US$ 105 milhões, o equivalente a cerca de R$ 300 milhões, do Programa Regional de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur), para a realização de projetos voltados à melhoria na orla, a implantação do Museu da História da Cidade e do Arquivo Público.

Serão US$ 52,5 milhões da prefeitura solteropolitana e outros US$ 52,5 milhões do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Este é o primeiro contrato firmado entre a Prefeitura de Salvador e o BID.

Além do dinheiro do banco internacional, Salvador conta com um investimento de R$ 36 milhões do Ministério do Turismo, voltados para obras de infraestrutura turística.

De acordo com representante do BID no Brasil, Hugo Flores, uma das missões prioritárias do banco é a inclusão de negros e mulheres. "A assinatura do contrato é o primeiro passo, mas temos de ficar atentos à execução para termos sucesso e podermos celebrar também a finalização dos investimentos", afirmou.

O prefeito de Salvador, ACM Neto, comentou a importância do turismo para a economia local. “A nossa Bahia tem na atividade turística uma de suas principais indústrias, responsável pela geração de empregos e renda”, informou. Em Salvador, a coordenação executiva do Prodetur ficará a cargo da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult).

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério do Turismo

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Atividades turísticas tiveram crescimento em junho, aponta pesquisa
De acordo com levantamento divulgado pelo IBGE, as atividades turísticas tiveram um crescimento de 5,3% no mês de junho.
IBGE divulga pesquisa sobre o setor hoteleiro no Brasil
Levantamento investigou hotéis, pousadas, motéis, apart-hoteis e albergues existentes no País
Turistas revelam aquilo que mais gostaram ao ir à Amazônia
Viaje você também pelos nove estados da Amazônia Legal
De acordo com levantamento divulgado pelo IBGE, as atividades turísticas tiveram um crescimento de 5,3% no mês de junho.
Atividades turísticas tiveram crescimento em junho, aponta pesquisa
Levantamento investigou hotéis, pousadas, motéis, apart-hoteis e albergues existentes no País
IBGE divulga pesquisa sobre o setor hoteleiro no Brasil
Viaje você também pelos nove estados da Amazônia Legal
Turistas revelam aquilo que mais gostaram ao ir à Amazônia

Últimas imagens

Objetivo é aproveitar o período de preparação para a Copa do Mundo para lançar o Brasil em agências de viagem
Objetivo é aproveitar o período de preparação para a Copa do Mundo para lançar o Brasil em agências de viagem
Divulgação/Sec. de Turismo de Belo Horizonte
Estabelecimentos regulares correspondem a apenas 26% do total em funcionamento
Estabelecimentos regulares correspondem a apenas 26% do total em funcionamento
Foto: Gustavo Messina/Ministério do Turismo
Espetáculo é de origem religiosa, quando os jesuítas introduziram a música e a dança na catequese dos índios
Espetáculo é de origem religiosa, quando os jesuítas introduziram a música e a dança na catequese dos índios
Arquivo/Iphan
Entre março e junho também houve crescimento em todos os meses no número de desembarques domésticos
Entre março e junho também houve crescimento em todos os meses no número de desembarques domésticos
Arquivo/EBC
Registro é obrigatório para os prestadores que exerçam as atividades de meios de hospedagem
Registro é obrigatório para os prestadores que exerçam as atividades de meios de hospedagem
Divulgação/Ministério do Turismo

Governo digital