Você está aqui: Página Inicial > Turismo > 2017 > 09 > Brasil vai assumir conselho da Organização Mundial de Turismo em 2020

Turismo

Brasil vai assumir conselho da Organização Mundial de Turismo em 2020

Cooperação

Desenvolvimento da economia criativa e das mídias sociais são prioridades do País como membro do Conselho Executivo da organização
por Portal Brasil publicado: 12/09/2017 15h53 última modificação: 13/10/2017 19h30

O Brasil foi eleito membro do Conselho Executivo da Organização Mundial de Turismo (OMT) e vice-presidente da Comissão Regional da OMT para as Américas, junto ao Haiti, nesta terça-feira (12). As eleições ocorreram na 62ª Reunião da Comissão da OMT para as Américas, em Chengdu, China.  

No Conselho Executivo da OMT, durante o biênio 2020/2021, o País deve executar as resoluções da Assembleia Geral e também relatar o programa de trabalho. O mandato é compartilhado com o Uruguai, que atuará em 2018 e 2019. 

“A atuação do Brasil na linha de frente da principal entidade mundial de turismo é muito importante para colocarmos em discussão temas do interesse do nosso país e dos demais países em desenvolvimento, que veem o turismo como uma alavanca para suas economias”, afirmou o ministro do Turismo, Marx Beltrão. Desde 1975, o País faz parte da Organização Mundial de Turismo, já tendo atuado por cinco mandatos como membro do Conselho Executivo. 

O governo brasileiro definiu três prioridades para lidar como membro do Conselho Executivo: desenvolvimento da economia colaborativa e mídias digitais; aumentar a representatividade da Lusofonia no âmbito da organização e a fortalecer o debate relativo à regulamentação da Proteção ao Consumidor Turista.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério do Turismo

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil