Você está aqui: Página Inicial > Defesa e Segurança > 2017 > 07 > Defesa Civil reconhece emergência em 49 cidades

Defesa e Segurança

Defesa Civil reconhece emergência em 49 cidades

Desastres naturais

Desse total, 38 municípios são localizados no estado do Ceará e foram afetados por extenso período de seca
por Portal Brasil publicado: 12/07/2017 15h14 última modificação: 12/07/2017 15h14
Divulgação/Defesa Civil do Rio Grande do Sul Desastres naturais afetam municípios da Bahia, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Santa Catarina

Desastres naturais afetam municípios da Bahia, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Santa Catarina

O Ministério da Integração Nacional reconheceu, nesta quarta-feira (12), a situação de emergência em 49 municípios brasileiros. Destes, 38 são localizados no estado do Ceará e foram afetados por extenso período de seca.

Também obtiveram reconhecimento cidades da Bahia, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. A medida, publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira, permite a cada uma das prefeituras solicitar apoio federal para ações de socorro e assistência, restabelecimento de serviços essenciais e recuperação de áreas danificadas por desastres naturais.

Em Minas Gerais, os reconhecimentos federais resultam do extenso período de estiagem que afeta as cidades de Guaraciama, Lassance e Vargem Grande do Rio Pardo, assim como Itambé, na Bahia.

No Rio Grande do Sul, enxurradas motivaram o reconhecimento dos municípios de Erval Seco e Taquaruçu do Sul. As enxurradas também afetaram a cidade catarinense de Chapadão do Lageado. Ainda no estado de Santa Catarina, Concórdia, Ipira e Lontras foram atingidas por tempestades e Laurentino, por inundações.

No Ceará, as cidades atingidas são: Aracoiaba, Aratiba, Brejo Santo, Caririaçu, Carnaubal, Catarina, Cedro, Chaval, Guaraciaba do Norte, Ibicuitinga, Icapuí, Ipaumirim, Irauçuba, Itapajé, Itapiúna, Jaguaruana, Madalena, Missão Velha, Morrinhos, Nova Olinda, Pacajus, Paramoti, Porteiras, Potiretama, Quiterianópolis, Quixeré, Redenção, Russas, Salitre, São Gonçalo do Amarante, São João do Jaguaribe, Senador Pompeu, Tabuleiro do Norte, Umari, Umirim, Uruoca, Varjota e Várzea Alegre.

Procedimentos

As portarias de reconhecimento têm vigência por 180 dias e seguem critérios fixados pela Instrução Normativa nº 2, que define procedimentos da Defesa Civil Nacional para o reconhecimento de situação de emergência ou de estado de calamidade pública decretada por municípios, estados e Distrito Federal.

Para obter apoio material e financeiro federal, os municípios devem apresentar um relatório com diagnóstico dos danos e o Plano Detalhado de Resposta (PDR), por meio do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2ID). Após análise da Sedec, o Ministério da Integração define o valor do recurso a ser disponibilizado.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério da Integração Nacional

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

PRF intensifica fiscalização nas estradas durante o carnaval
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) vai intensificar a fiscalização para combater condutas como misturar álcool e direção
Lançada Campanha Nacional de Proteção a Crianças e Adolescentes
A ideia é alertar a população para casos suspeitos e informar sobre o Disque 100, o principal canal de denúncia de violações de direitos humanos do país
Forças Armadas começam nova ação nas rodovias federais do Rio
Militares atuam no combate ao tráfico de drogas, armas e roubo de cargas, em operação conjunta com Polícia Rodoviária Federal
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) vai intensificar a fiscalização para combater condutas como misturar álcool e direção
PRF intensifica fiscalização nas estradas durante o carnaval
A ideia é alertar a população para  casos suspeitos e informar sobre o Disque 100, o principal canal de denúncia de violações de direitos humanos do país
Lançada Campanha Nacional de Proteção a Crianças e Adolescentes
Militares atuam no combate ao tráfico de drogas, armas e roubo de cargas, em operação conjunta com Polícia Rodoviária Federal
Forças Armadas começam nova ação nas rodovias federais do Rio

Governo digital