Você está aqui: Página Inicial > Economia e Emprego > 2009 > 11 > Saiba como obter aposentadoria por tempo de contribuição

Cidadania e Justiça

Saiba como obter aposentadoria por tempo de contribuição

Benefício trabalhista

Para conseguir direito, segurado homem deve comprovar contribuição por pelo menos 35 anos e mulher, por pelo menos 30 anos
por Portal Brasil publicado: 04/11/2009 12h10 última modificação: 27/06/2014 15h34

A aposentadoria por tempo de contribuição é um benefício que pode ser concedido ao trabalhador de forma integral ou proporcional.

O tempo de contribuição é o período em que a pessoa trabalhou com carteira assinada, tempo de atividade do empregado doméstico e período de atividade exercida como contribuinte individual que recolheu as contribuições mínimas à Previdência Social, entre outros exemplos.

No caso de serviço militar, o período de trabalho nas Forças Armadas pode ser incluído como tempo de contribuição, mediante a apresentação de Certificado de Reservista ou certidão emitida por um dos órgãos responsáveis (Marinha, Exército ou Aeronáutica).

Como obter a aposentadoria integral?

Para obter a aposentadoria integral por tempo de contribuição, o segurado homem deve comprovar contribuição por pelo menos 35 anos e a mulher, por pelo menos 30 anos.

Como obter a aposentadoria proporcional?

Para obter a aposentadoria proporcional, é necessário preencher dois requisitos: tempo de contribuição e idade mínima.

O trabalhador homem pode solicitar o benefício aos 53 anos de idade e 30 anos de contribuição, fazendo o cálculo de mais 40% sobre o tempo que faltava para completar 30 anos em 16 de dezembro de 1998.

A segurada mulher pode requer a aposentadoria proporcional aos 48 anos de idade e 25 anos de contribuição, calculando mais 40% sobre o tempo que faltava para completar 25 anos em 16 de dezembro de 1998.

Como funciona o cálculo?

A fórmula é simples. Confira o exemplo abaixo e faça o seu cálculo:

- Em 2003, um segurado 53 anos completou 30 anos de contribuição. Isso significa que em 1998 ele cumpriu 25 anos, ou seja, faltavam cinco anos para completar 30 de contribuição. Como 40% de cinco anos são dois anos, ele poderia se aposentar quando completasse 32 anos de contribuição, ou seja, em 2005.

Carência

Para ter direito à aposentadoria integral ou proporcional por tempo de contribuição, é necessário que o trabalhador cumpra um número mínimo de contribuições mensais (carência).

Para quem começou a fazer a contribuição a partir de 25 de julho de 1991, a carência é de 180 contribuições mensais. Se o segurado se inscreveu antes disso, deve consultar a tabela disponível no site da Previdência.

Requerimento

Em todos os casos de aposentadoria por tempo de contribuição, o trabalhador não precisa deixar o emprego para solicitar o benefício.

Para isso, o segurado pode realizar um agendamento prévio por telefone (no número 135, em todo o Brasil), em uma agência da Previdência Social (consulte a mais próxima  ou pelo site da Previdência).

Para mais informações sobre aposentadoria por tempo de contribuição, como os documentos necessários para solicitar o benefício, acesse aqui.

Fonte:
Ministério da Previdência Social 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Agricultura familiar | Lindaci Maria dos Santos
A agricultora Lindaci Maria dos Santos conta sua história, as mudanças em sua vida após a mudança para a chácara no Lago Oeste (DF) e os novos projetos dos agricultores orgânicos incentivados pelo Sebrae na região.
Pablo Claudino - Bancário
O 1° de Maio está sendo comemorado em um momento crucial para as relações trabalhistas do Brasil.
Dilma decreta criação de fórum para debater políticas trabalhistas
Nesta quinta (30), véspera do Dia Internacional do Trabalhador, Dilma Rousseff recebeu representantes de diversas centrais sindicais
A agricultora Lindaci Maria dos Santos conta sua história, as mudanças em sua vida após a mudança para a chácara no Lago Oeste (DF) e os novos projetos dos agricultores orgânicos incentivados pelo Sebrae na região.
Agricultura familiar | Lindaci Maria dos Santos
O 1° de Maio está sendo comemorado em um momento crucial para as relações trabalhistas do Brasil.
Pablo Claudino - Bancário
Nesta quinta (30), véspera do Dia Internacional do Trabalhador, Dilma Rousseff recebeu representantes de diversas centrais sindicais
Dilma decreta criação de fórum para debater políticas trabalhistas

Últimas imagens

"Presidenta Dilma Rousseff e o presidente Enrique Peña Nieto assinaram uma série de acordos, para modernizar as relações econômicas entre os dois países"
"Presidenta Dilma Rousseff e o presidente Enrique Peña Nieto assinaram uma série de acordos, para modernizar as relações econômicas entre os dois países"
Roberto Stuckert Filho/ PR
Brasília/DF - 25/05/2015 - Lindaci Maria dos Santos Cortes, 51, produz alimentos orgânicos em uma chácara no Distrito Federal. Foto: Iano Andrade / Portal Brasil
Brasília/DF - 25/05/2015 - Lindaci Maria dos Santos Cortes, 51, produz alimentos orgânicos em uma chácara no Distrito Federal. Foto: Iano Andrade / Portal Brasil
Brasília/DF - 25/05/2015 - Lindaci Maria dos Santos Cortes, 51, produz alimentos orgânicos em uma chácara no Distrito Federal. Foto: Iano Andrade / Portal Brasil
Brasília/DF - 25/05/2015 - Lindaci Maria dos Santos Cortes, 51, produz alimentos orgânicos em uma chácara no Distrito Federal. Foto: Iano Andrade / Portal Brasil
O pedreiro Marcos César Alves Barbosa, de 28 anos,  comprou um imóvel pelo Minha Casa, Minha Vida em Florianópolis (SC)
O pedreiro Marcos César Alves Barbosa, de 28 anos, comprou um imóvel pelo Minha Casa, Minha Vida em Florianópolis (SC)
Foto: Cesar Souto/Caixa Econômica

Governo digital