Você está aqui: Página Inicial > Economia e Emprego > 2017 > 07 > Boletos vencidos poderão ser pagos em qualquer banco

Economia e Emprego

Boletos vencidos poderão ser pagos em qualquer banco

Praticidade

Por enquanto, mudança só é válida para boletos acima de R$ 50 mil, mas valor vai diminuir nos próximos meses
publicado: 10/07/2017 11h17 última modificação: 10/07/2017 11h37
Arquivo/Agência Brasil Atual sistema de cobrança funciona há mais de 20 anos e precisava ser atualizado, explicou a Febraban

Atual sistema de cobrança funciona há mais de 20 anos e precisava ser atualizado, explicou a Febraban

Boletos vencidos de valor igual ou superior a R$ 50 mil reais poderão ser pagos em qualquer banco a partir desta segunda-feira (10), divulgou a Federação Brasileira de Bancos (Febraban).

A federação adotou plataforma de cobrança que permite a quitação de boletos em atraso em qualquer agência bancária. A mudança será escalonada, com redução de valores mínimos nos próximos meses.

Em 11 de setembro, o valor mínimo será reduzido para R$ 2 mil; em 9 de outubro, passa a ser R$ 500; e em 13 de novembro, cai para R$ 200. A partir de 11 de dezembro, boletos vencidos de todos os valores passarão a ser aceitos em qualquer banco.

De acordo com a Febraban, o atual sistema de cobrança funciona há mais de 20 anos e precisava ser atualizado. A nova plataforma de cobrança permitirá a identificação do Cadastro de Pessoa Física (CPF) ou do Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) do pagador, o que facilitará o rastreamento de pagamentos.

Ao quitar o boleto, o próprio sistema verificará as informações. Se os dados do boleto coincidirem com os da plataforma, a operação é validada. Caso haja divergência nas informações, o pagamento só poderá ser feito no banco de origem da operação.

Conforme as datas de adoção da nova plataforma e as faixas de valores, os bancos deixarão de aceitar boletos sem o CPF ou o CNPJ do pagador. Os clientes sem esses dados serão contatados pelos bancos para refazerem os boletos.

Fonte: Agência Brasil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Saiba mais sobre as contas inativas do FGTS
Trabalhador que pediu demissão ou teve seu contrato de trabalho finalizado até 2015 tem direito ao saque das contas inativas do FGTS
Trabalhador que pediu demissão ou teve seu contrato de trabalho finalizado até 2015 tem direito ao saque das contas inativas do FGTS
Saiba mais sobre as contas inativas do FGTS

Últimas imagens

Ação integrada vai apoiar venezuelanos a imunizar e inspecionar o rebanho
Ação integrada vai apoiar venezuelanos a imunizar e inspecionar o rebanho
Arquivo/ Agência Brasil
Ministros Marcos Pereira (MDIC) e Aloysio Nunes Ferreira (MRE) assinaram acordo representando o País
Ministros Marcos Pereira (MDIC) e Aloysio Nunes Ferreira (MRE) assinaram acordo representando o País
Divulgação/ MDIC
Resultado foi o melhor para o mês em toda série histórica
Resultado foi o melhor para o mês em toda série histórica
Arquivo/Agência Brasil
Dados referente a emprego e inflação contribuíram para ânimo dos investidores
Dados referente a emprego e inflação contribuíram para ânimo dos investidores
Arquivo EBC
Interligação do banco de dados vai possibilitar a criação de uma malha de informações trabalhistas
Interligação do banco de dados vai possibilitar a criação de uma malha de informações trabalhistas
Mirian Fichtner/Dataprev

Governo digital