Você está aqui: Página Inicial > Educação > 2016 > 11 > Corretores da redação do Enem alinham critérios de avaliação

Educação

Corretores da redação do Enem alinham critérios de avaliação

Avaliação

Examinadores avaliarão domínio do português, compreensão do tema e a articulação de conhecimentos para compor texto
por Portal Brasil publicado: 21/11/2016 16h13 última modificação: 22/11/2016 10h53
Reprodução/ABr Nota final é média aritmética entre notas atribuídas pelos examinadores

Nota final é média aritmética entre notas atribuídas pelos examinadores

Com o fim do terceiro ciclo de capacitação, realizado nesse domingo (20), os corretores da redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) alinharam os critérios para avaliação dos textos. Cerca de 12.891 profissionais receberam o treinamento presencial em 45 cidades. 

Cada prova passa pela avaliação de dois examinadores que avaliam o cumprimento das competências descritas no edital do exame. Entre elas estão o domínio da língua portuguesa, a compreensão do tema e a articulação de conhecimentos para compor o texto dissertativo. Além disso, a redação deve relacionar argumentos de modo a defender um ponto de vista, assim como propor uma solução ao problema apresentado tendo em vista os direitos humanos. 

Os avaliadores atribuem uma nota entre 0 e 200 pontos para cada uma das cinco competências. A soma desses pontos é o que compõem a nota total de cada avaliador, que pode chegar a mil pontos.

A nota final do participante será a média aritmética das notas totais atribuídas pelos dois avaliadores. Se houver discrepância entre as notas atribuídas por eles  quando elas diferirem em mais de cem pontos ou se a diferença for superior a 80 pontos em qualquer uma das competências  a redação é avaliada por um terceiro avaliador. Nesse caso, a nota final será a média das duas notas totais que mais se aproximarem.

Critérios 

A prova de redação do Enem exigiu a produção de um texto em prosa, do tipo dissertativo-argumentativo sobre o tema "Caminhos para combater a intolerância religiosa no Brasil". O autor da redação deveria defender uma opinião a respeito do tema apoiada em argumentos consistentes, estruturados com coerência e coesão, formando uma unidade textual. 

Anulação

Para a correção da prova, há falhas que podem levar à anulação da redação. A fuga total ao tema ou a redação fora do modelo dissertativo-argumentativo com menos de sete linhas são alguns dos critérios que zeram a redação. Além disso, impropérios, desenhos e outras formas propositais de anulação e desrespeito aos direitos humanos são outros critérios que justificam a nota zero.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Inep

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Base Nacional Comum Curricular alinha o Brasil aos melhores sistema educacionais do mundo
Com a mudança, o país se alinha aos melhores sistemas educacionais do mundo
Base Nacional Comum Curricular é homologada
Presidente Michel Temer homologou a Base Nacional Comum Curricular. Documento é considerado um avanço por especialistas em educação
Presidente Michel Temer sanciona lei do novo FIES
Uma das novidades é que recursos dos fundos constitucionais e de desenvolvimento vão ser destinados para os financiamentos estudantis
Com a mudança, o país se alinha aos melhores sistemas educacionais do mundo
Base Nacional Comum Curricular alinha o Brasil aos melhores sistema educacionais do mundo
Presidente Michel Temer homologou a Base Nacional Comum Curricular. Documento é considerado um avanço por especialistas em educação
Base Nacional Comum Curricular é homologada
Uma das novidades é que recursos dos fundos constitucionais e de desenvolvimento vão ser destinados para os financiamentos estudantis
Presidente Michel Temer sanciona lei do novo FIES

Últimas imagens

Mudanças no programa beneficiam quem mais precisa e garantem recursos para manter o financiamento estudantil
Mudanças no programa beneficiam quem mais precisa e garantem recursos para manter o financiamento estudantil
Arquivo/Agência Brasil
Encceja PPL
Arquivo/Agência Brasil
Provas serão aplicadas em 12 e 13 de dezembro em todo o País, em mais de mil unidades prisionais de 577 municípios. Grau de dificuldade da prova é equivalente ao do Enem regular
Provas serão aplicadas em 12 e 13 de dezembro em todo o País, em mais de mil unidades prisionais de 577 municípios. Grau de dificuldade da prova é equivalente ao do Enem regular
Foto: André Nery/MEC
Provas serão aplicadas em 19 de novembro, para público geral; e em 19 e 20 de dezembro para pessoas privadas de liberdade
Provas serão aplicadas em 19 de novembro, para público geral; e em 19 e 20 de dezembro para pessoas privadas de liberdade
Foto: André Nery/MEC
Ministro da Educação participou de coletiva de imprensa neste domingo (12), quando foi dado balanço da aplicação
Ministro da Educação participou de coletiva de imprensa neste domingo (12), quando foi dado balanço da aplicação
Reprodução/NBR

Governo digital