Você está aqui: Página Inicial > Educação > 2017 > 11 > Mais de 451 mil estudantes fizeram as provas do Enade 2017

Educação

Mais de 451 mil estudantes fizeram as provas do Enade 2017

Avaliação

Nesta edição, foram avaliados 12.815 cursos, de 2.072 instituições de ensino superior. Participação no exame nacional e o preenchimento do questionário do estudante são obrigatórios para obtenção do diploma
publicado: 28/11/2017 11h54 última modificação: 30/11/2017 16h21

Ao todo, 451.517 compareceram às provas do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) 2017 no último domingo (26). O número equivale a 84% dos 537.388 inscritos. A taxa de abstenção deste ano foi de 16%. 

Nesta edição, o Enade foi aplicado em 1.497 municípios e avaliou 12.815 cursos, de 2.072 instituições de ensino superior. Apenas 29 participantes foram eliminados do exame por descumprimento do edital. A avaliação é obrigatória para estudantes que estão concluindo cursos do ensino superior.

De acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), a participação na prova e o preenchimento do questionário do estudante são obrigatórios para obtenção do diploma.

Resultados

Os gabaritos e cadernos de questões do Enade serão publicados no portal do Inep após o dia 4 de dezembro. O relatório dos estudantes em situação regular será divulgado em 20 de dezembro.

Todo ano, o Ministério da Educação define os cursos que serão avaliados. E a cada três anos, as provas são aplicadas para áreas diversa para acompanhar a evolução.

Em 2017, o Enade foi aplicado para estudantes que estão concluindo o bacharelado nas áreas de arquitetura e urbanismo, engenharia ambiental, engenharia civil, engenharia de alimentos, engenharia de computação, engenharia de controle e automação, engenharia de produção, engenharia elétrica, engenharia florestal, engenharia mecânica, engenharia química, engenharia, sistema de informação; bacharel ou licenciatura nas áreas de ciência da computação, ciências biológicas, ciências sociais, filosofia, física, geografia, história, letras-português, matemática, química.

Estudantes de licenciatura das áreas de artes visuais, educação física, letras-português e espanhol, letras-português e inglês, letras-inglês, música, pedagogia; e tecnólogo nas áreas de análise e desenvolvimento de sistemas, gestão da produção industrial, redes de computadores, gestão da tecnologia da informação também fizeram a avaliação.

Fonte: Ministério da Educação

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil