Você está aqui: Página Inicial > Esporte > 2017 > 06 > Mais 56 atletas são contemplados pela Bolsa Pódio

Esporte

Mais 56 atletas são contemplados pela Bolsa Pódio

Incentivo

Serão 18 atletas de modalidades olímpicas e 38 de modalidades paralímpicas que tiveram seus Planos Esportivos aprovados
por Portal Brasil publicado: 12/06/2017 11h50 última modificação: 03/10/2017 13h02
Foto: Gabriel Heusi/ brasil2016.gov.br Serão concedidas bolsas entre R$ 5 mil e R$ 15 mil para atletas de 17 modalidades olímpicas e paralímpicas

Serão concedidas bolsas entre R$ 5 mil e R$ 15 mil para atletas de 17 modalidades olímpicas e paralímpicas

O Ministério do Esporte publicou, no Diário Oficial da União desta segunda-feira (12), a lista dos 56 atletas que serão contemplados pelo programa Bolsa Pódio. O programa vai oferecer auxílios para 18 esportistas de modalidades olímpicas e 38 de modalidades paralímpicas. São 17 modalidades atendidas no total.

No último dia 26 de maio, o ministério anunciou a primeira lista de beneficiados da categoria, com 183 atletas olímpicos e paralímpicos contemplados.

A nova lista de atletas beneficiados será anunciada nesta segunda-feira (12) pelo ministro do Esporte, Leonardo Picciani, em cerimônia no Parque Olímpico da Barra, no Rio de Janeiro. Outras listas de contemplados devem ser publicadas até o fim deste ano.

Os atletas receberão bolsas R$ 5 mil,  R$ 8 mil, R$ 11 mil e R$ 15 mil. No total, a pasta investirá R$ 5,2 milhões nos atletas paralímpicos e R$ 2,4 milhões nos representantes de modalidades olímpicas, um investimento anual de R$ 7,7 milhões.

O campeão dos incentivos será o atletismo paralímpico, com 24 atletas contemplados. Outras modalidades que entraram na lista são atletismo, ciclismo MTB, maratona aquática, ginástica artística, tênis, tiro com arco, tiro esportivo, vôlei de praia, vela, bocha, halterofilismo, judô de cegos, natação paralímpica, paraciclismo, tênis de mesa paralímpico e tiro com arco paralímpico.

Como participar

O prazo para indicação de atletas à Bolsa Pódio neste ciclo olímpico segue até 10 de outubro. Para concorrer, o atleta deve estar em plena atividade, vinculado a uma entidade de prática esportiva ou a alguma entidade nacional de administração do desporto, e entre os 20 primeiros no ranking mundial da modalidade ou prova específica. Bolsistas que conquistaram medalhas na última edição dos Jogos Rio 2016 têm prioridade na renovação das bolsas.

O atleta deve ainda ser indicado pelas respectivas entidades nacionais de administração do desporto em conjunto com o Comitê Olímpico do Brasil (COB) ou Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) e o Ministério do Esporte.

É necessário também apresentar declaração de recebimento, ou não, de qualquer tipo de patrocínio de pessoas jurídicas, públicas ou privadas, apontando valores efetivamente recebidos e os períodos de vigência dos contratos. 

Fonte: Portal Brasil, com informações do Diário Oficial da União, do Brasil 2016 e do Ministério do Esporte

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Programa Forças no Esporte comemora Dia das Crianças
Iniciativa do Ministério da Defesa, em parceria com outros ministérios, leva para as crianças atividades esportivas, lazer e aulas de reforço no período do contra turno escolar
Publicação analisa impactos dos megaeventos no Brasil e no mundo
Publicação lançada no Rio de Janeiro discute os impactos dos megaeventos no Brasil e no mundo. O livro, que reúne 145 autores de 70 universidades, será publicado em formato digital e oferecido gratuitamente
Inscrições para o Bolsa Atleta terminam em 6 de setembro
Cerca de 23 mil esportistas já foram patrocinados pelo programa do governo federal
Iniciativa do Ministério da Defesa, em parceria com outros ministérios, leva para as crianças atividades esportivas, lazer e aulas de reforço no período do contra turno escolar
Programa Forças no Esporte comemora Dia das Crianças
Publicação lançada no Rio de Janeiro discute os impactos dos megaeventos no Brasil e no mundo. O livro, que reúne 145 autores de 70 universidades, será publicado em formato digital e oferecido gratuitamente
Publicação analisa impactos dos megaeventos no Brasil e no mundo
Cerca de 23 mil esportistas já foram patrocinados pelo programa do governo federal
Inscrições para o Bolsa Atleta terminam em 6 de setembro

Últimas imagens

Rebeca Andrade é uma das ginastas do time feminino que representa o Brasil na competição
Rebeca Andrade é uma das ginastas do time feminino que representa o Brasil na competição
Foto: Danilo Borges/Ministério do Esporte
Jogos Escolares são maior celeiro de atletas olímpicos do País
Jogos Escolares são maior celeiro de atletas olímpicos do País
Foto: Rogério Vital/Ministério do Esporte
Martins tornou-se o segundo brasileiro com mais medalhas em Universíades
Martins tornou-se o segundo brasileiro com mais medalhas em Universíades
Divulgação/CBDU
Atleta terminou a prova com o tempo de 3m52s542
Atleta terminou a prova com o tempo de 3m52s542
Divulgação/Federação Int. de Canoagem
Henrique Martins, da natação, ficou em terceiro lugar nos 100 metros borboleta – a décima medalha brasileira no torneio
Henrique Martins, da natação, ficou em terceiro lugar nos 100 metros borboleta – a décima medalha brasileira no torneio
Divulgação/CBDU

Governo digital