Você está aqui: Página Inicial > Meio Ambiente > 2012 > 04 > Reciclagem atinge apenas 8% dos municípios brasileiros

Meio Ambiente

Reciclagem atinge apenas 8% dos municípios brasileiros

Resíduos sólidos

Quase todo o material reciclável coletado no País passa pelas mãos de catadores contratados pelas prefeituras
publicado: 13/04/2012 15h48 última modificação: 29/07/2014 09h01

O setor de reciclagem movimenta cerca de R$ 12 bilhões por ano. Mesmo assim, o País perde em torno de R$ 8 bilhões anualmente por deixar de reciclar os resíduos que são encaminhados aos aterros ou lixões, segundo estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) encomendado pelo Ministério do Meio Ambiente. Isso porque o serviço só está presente em 8% dos municípios brasileiros.

Noventa e nove porcento do material reciclável que vai para a indústria passa pelas mãos dos catadores - organizados e não organizados. O Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis (MNCR) surgiu em 1999 e hoje está presente em praticamente todo país.

A lei 11.445 estabelece as diretrizes nacionais para o saneamento básico e permite que as prefeituras contratem as organizações de catadores para fazer o trabalho de coleta seletiva. Assim, as cooperativas viram um negócio e não apenas uma atividade social. 

O alumínio é o campeão de reciclagem no País, com índice de 90%, segundo os Indicadores de Desenvolvimento Sustentável de 2010 do IBGE. Isso se deve ao alto valor de mercado de sua sucata, associado ao elevado gasto de energia necessário para a produção de alumínio metálico. Para o restante dos materiais, à exceção das embalagens longa vida, os índices de reciclagem variam entre 45% e 55%.

Fontes:
Ministério do Meio Ambiente
Ministério das Cidades
Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis (MNCR)
Compromisso Empresarial para a Reciclagem (Cempre)
Indicadores de Desenvolvimento Sustentável de 2010 do IBGE

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Brasil recebe casal de araras-azuis vindos da Alemanha
Espécie, extinta na natureza, conta com apenas 90 animais em cativeiro. A ideia é que este casal ajude a aumentar a população
Seleção vai apoiar novas unidades de conservação na Amazônia
Programa Arpa lançou dois editais, um destinado à criação de novas UCs e outro voltado à consolidação e manutenção dessas áreas
Discutidas estratégias para ampliação do CAR
Ministras do Meio Ambiente e da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, debateram a ampliação do Cadastro Ambiental Rural (CAR)
Espécie, extinta na natureza, conta com apenas 90 animais em cativeiro. A ideia é que este casal ajude a aumentar a população
Brasil recebe casal de araras-azuis vindos da Alemanha
Programa Arpa lançou dois editais, um destinado à criação de novas UCs e outro voltado à consolidação e manutenção dessas áreas
Seleção vai apoiar novas unidades de conservação na Amazônia
Ministras do Meio Ambiente e da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, debateram a ampliação do Cadastro Ambiental Rural (CAR)
Discutidas estratégias para ampliação do CAR

Últimas imagens

Em 2005, um decreto municipal reconheceu o sauim-de-coleira como símbolo de Manaus, tornando o primata uma espécie de mascote da cidade
Em 2005, um decreto municipal reconheceu o sauim-de-coleira como símbolo de Manaus, tornando o primata uma espécie de mascote da cidade
Divulgação/ICMBio
Expectativa é que o plano aprimore sua atuação, na redução do desmatamento no Cerrado
Expectativa é que o plano aprimore sua atuação, na redução do desmatamento no Cerrado
Divulgação/MMA
Experimentos são com a soja, principal grão plantado no estado
Experimentos são com a soja, principal grão plantado no estado
Divulgação/Embrapa
Essa é a primeira visita de Sri Mulyani Indrawati ao Brasil desde que entrou para o Banco Mundial, em 2010
Essa é a primeira visita de Sri Mulyani Indrawati ao Brasil desde que entrou para o Banco Mundial, em 2010
Divulgação/MMA
Vítima do tráfico de animais, a ararinha-azul desapareceu do seu habitat e virou símbolo da extinção anos atrás
Vítima do tráfico de animais, a ararinha-azul desapareceu do seu habitat e virou símbolo da extinção anos atrás
Divulgação/ICMBio

Governo digital