Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 08 > Lançada Campanha Nacional de Amamentação 2012

Saúde

Lançada Campanha Nacional de Amamentação 2012

por Portal Brasil publicado: 01/08/2012 16h56 última modificação: 29/07/2014 09h04
MS O leite materno é um dos maiores aliados no combate à mortalidade infantil

O leite materno é um dos maiores aliados no combate à mortalidade infantil

Leite materno é um dos maiores aliados no combate à mortalidade infantil

 

Foi lançada nesta quarta-feira (1°), no Rio de Janeiro, a Campanha Nacional de Amamentação 2012. O evento integra a 21º Semana Mundial de Amamentação, que ocorre até o dia 7 de agosto, com comemorações em todo o País. Durante o evento foi anunciado pelo ministro da Saúde, Alexandre Padilha, o investimento de R$ 45 milhões na qualificação do pré-natal em 2.120 municípios. As ações fazem parte da estratégia Rede Cegonha, lançada em 2011, para ampliar e qualificar a assistência prestada às gestantes e aos bebês no Sistema Único de Saúde (SUS).

A campanha produzida pelo Ministério da Saúde e a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) tem como objetivo incentivar as mães brasileiras a amamentar até os dois anos ou mais e de forma exclusiva até os sexto mês de vida do bebê. O leite materno é um dos maiores aliados no combate à mortalidade infantil. Só na última década, o Brasil reduziu a taxa em 47%, graças a um conjunto de políticas públicas voltada para a família, a gestante e a criança.

Na campanha de amamentação 2012, serão distribuídos cartazes e folhetos aos municípios de todo o País, com a imagem da madrinha, a cantora Wanessa Camargo, amamentando o seu primeiro filho e com orientações para as mulheres sobre como amamentar e quais os benefícios dessa prática. Também foram produzidas peças para a internet, televisão e rádio.

 

Semana Mundial de Amamentação

A Semana Mundial de Amamentação é uma estratégia idealizada pela Aliança Mundial para Ação em Aleitamento Materno (Waba), e ocorre em cerca de 150 países. Esse ano, o tema escolhido são os 10 anos da “Estratégia Global para a Alimentação de Lactentes e Crianças de Primeira Infância” (OMS e Unicef) e seu objetivo é aprimorar as práticas alimentares, melhorando o impacto na sobrevivência, no crescimento e no desenvolvimento, na saúde dos bebês como um todo.

 

Rede Cegonha

Os recursos anunciados pelo governo federal para o Rede Cegonha serão destinados para a qualificação do pré-natal. As consultas do pré-natal são importantes para um acompanhamento da gestação para uma gravidez sem riscos e um parto tranquilo. Durante o pré-natal, por exemplo, as mães são orientadas sobre como amamentar seu bebê e informadas sobre a importância do aleitamento exclusivo até os seis meses de vida e sobre continuar amamentando a criança até os dois anos ou mais.

A Rede Cegonha também traz em suas ações a promoção da amamentação na primeira hora de vida e o fortalecimento do vínculo mãe/bebê por meio do contato pele a pele logo após o nascimento. O primeiro ano de funcionamento da estratégia também permitiu a redução de 21% dos óbitos maternos.

Confira o especial sobre Amamentação do Portal Brasil 

 

Lançada campanha de amamentação com informações sobre direitos da gestante

 

Leia mais:

Semana Mundial do Aleitamento Materno começa nesta quarta-feira (1º)

Banco de leite estimula mães a manterem amamentação dos bebês, diz Ministério da Saúde

Alimentação adequada pode reduzir mortes de crianças, segundo Ministério da Saúde

Governo lança ações para a primeira Infância

Justiça investe R$ 500 mil em assistência à saúde de mulheres presas

 

Fonte:
Ministério da Saúde

 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Mutirão já realizou mais de 33 mil cirurgias no país
O Ministério da Saúde está trabalhando para diminuir a espera por cirurgias eletivas, aquelas que não são emergências
Fábrica de medicamentos biológicos é inaugurada no DF
Medicamentos biológicos são produtos inovadores para o tratamento de doenças crônicas, como câncer, diabetes, artrite reumatoide e esclerose múltipla
Governo libera R$ 220 milhões para hospitais universitários de todo o País
Recursos serão distribuídos entre 48 hospitais das cinco regiões
O Ministério da Saúde está trabalhando para diminuir a espera por cirurgias eletivas, aquelas que não são emergências
Mutirão já realizou mais de 33 mil cirurgias no país
Medicamentos biológicos são produtos inovadores para o tratamento de doenças crônicas, como câncer, diabetes, artrite reumatoide e esclerose múltipla
Fábrica de medicamentos biológicos é inaugurada no DF
Recursos serão distribuídos entre 48 hospitais das cinco regiões
Governo libera R$ 220 milhões para hospitais universitários de todo o País

Últimas imagens

Redução é acompanhada do aumento das inciativas do Ministério da Saúde para intensificar os trabalhos de combate ao mosquito Aedes aegypti
Redução é acompanhada do aumento das inciativas do Ministério da Saúde para intensificar os trabalhos de combate ao mosquito Aedes aegypti
Foto: Andre Borges/Agência Brasília
Kits contêm 30 tipos de medicamentos e 18 tipos de insumos
Kits contêm 30 tipos de medicamentos e 18 tipos de insumos
Arquivo/EBC
Candidatos poderão escolher até quatro cidades de preferência e concorrer às vagas
Candidatos poderão escolher até quatro cidades de preferência e concorrer às vagas
Arquivo/EBC
Soro
Divulgação/Prefeitura de Campo Verde (MT)

Governo digital