Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2018 > 01 > Depois de fiscalização, Anvisa suspende lotes de vacina e botox

Saúde

Depois de fiscalização, Anvisa suspende lotes de vacina e botox

Vistoria

Por causa dos riscos à saúde da população, produtos serão recolhidos do mercado
publicado: 16/01/2018 16h42 última modificação: 16/01/2018 17h15

Depois de fiscalização, Anvisa suspende lotes de vacina e botox

Foto: Agência Brasil

Dois produtos foram suspensos, nesta terça-feira (16), pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Os agentes da fiscalização identificaram um lote falso de Botox e também irregularidades em um lote de vacina contra hepatite B.

Os lotes de Botox não foram produzidos pela fabricante indicada na embalagem. Como é uma falsificação, não há qualquer garantia sobre a origem e a composição do medicamento, o que pode trazer riscos à saúde dos usuários. A toxina botulínica é um medicamento injetável e só pode ser prescrito por profissionais médicos ou odontólogos.

No caso da vacina, o próprio Instituto Butantan, responsável pela produção da vacina, detectou um resultado fora do padrão no ensaio de endotoxina presente na vacina da hepatite B. O laboratório vai recolher a vacina no mercado. Outros lotes da vacina e outros produtos do Butantan continuam liberados.

Fonte: Anvisa

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil